De acordo com uma solicitação no GitHub do Bitcoin Core, principal repositório para o código do Bitcoin, uma implementação do Speedy Trial foi fundida na noite de quarta-feira (14) com o código, oferecendo um potencial caminho para ativar a tão esperada atualização de protocolo Taproot.

O Taproot é uma atualização proposta para o Bitcoin com o potencial de tornar transferências mais eficientes e privadas. Para entender em mais detalhes, leia o artigo “Taproot está chegando: O que é e como isso beneficiará o bitcoin“.

Há muitos meses a comunidade de desenvolvimento do Bitcoin Core debate a melhor maneira de implementar a mudança, pois atualizações já foram polêmicas no passado e acabaram gerando uma bifurcação de projetos. Nesse caso, a comunidade parece mais alinhada em aceitar o taproot, mas divergem em como fazer isso para evitar complicações em polêmicas futuras.

O Speedy Trial é também chamada de “atualização ‘Vamos ver o que acontece'”, ela possui o objetivo de permitir que uma tentativa de ativação do taproot seja bem-sucedida ou falhe rapidamente – sem comprometer a segurança em nenhum dos casos. E em caso de falha, ainda há como observar na prática a resposta da comunidade e entender o que pode ser mudado para que a ativação funcione.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

“O Speedy Trial daria aos mineradores três meses para sinalizar suporte para a atualização Taproot com seu poder de hash”, como Aaron van Wirdum e Sjors Provoost explicaram em um episódio recente do podcast “Van Wirdum Sjorsnado” da Bitcoin Magazine. Eles disseram:

“Se uma supermaioria de mineradores sinalizar suporte para a atualização dentro desses três meses, o Taproot será ativado alguns meses depois… Se os mineiros não sinalizarem suporte dentro de três meses, a atualização irá expirar e uma nova maneira de atualização pode ser considerada.”

Havia dois caminhos possíveis para a integração do Speedy Trial no Bitcoin Core – por meio do BIP 9 ou do BIP 8, com algumas diferenças notáveis ​​entre os dois métodos. O desenvolvedor de Bitcoin Luke Dashjr, que tem participado ativamente das discussões da comunidade sobre a ativação do Taproot, observou sua divergência em torno dessa implementação baseada no BIP 9 do Speedy Trial no Twitter.

“A comunidade chegou a um consenso sobre o BIP 8”, escreveu ele em resposta a um tweet que compartilha a solicitação de pull do GitHub. “Esses desenvolvedores estão IGNORANDO isso e empurrando sua própria agenda. É um ataque ao Bitcoin, não é uma coisa boa.”

Porém, ele parece estar sozinho nessa quando consideramos apenas os comentários do github, onde sua discordância foi a única com votos negativos dos outros usuários.

De acordo com dados reunidos pelo TaprootActivation.com, cerca de 89% do hashrate da rede já sinalizou apoio para a atualização, revelando que os mineradores estão de acordo com o softfork.

Veja também: O desafio dos devs do Bitcoin: Como atualizar uma rede descentralizada


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!