De acordo com o secretário Steven Mnuchin, o Tesouro dos Estados Unidos anunciará novas regulamentações para criptomoedas a fim de melhorar a rastreabilidade das transações.

Mnuchin afirmou em uma audiência do Comitê de Finanças do Senado que o Tesouro “lançará novos regulamentos para esclarecer quanto a uma maior transparência, para que as autoridades possam ver para onde o dinheiro está indo e saber que não está sendo usado para lavagem de dinheiro”.

O objetivo é evitar que as criptomoedas sejam usadas como “contas bancárias secretas”. A FinCEN, a Rede de Repressão a Crimes Financeiros, será a agência encarregada de aplicar as novas regras.

Continue lendo: Monero é irrastreável, diz analista da Europol