• A atualização da Ethereum de PoW para PoS (The Merge) se aproxima de virar realidade com o lançamento da testnet final nesta quinta-feira (10/03/22).
  • Com ela será possível ver como a rede e todos seus DApss, NFTs e outros contratos rodando no blockchain do Ethereum irão se comportar sem a validação por prova de trabalho.

Atualização da Ethereum em testnet

Na tarde desta quinta-feira, 10 de março de 2022, a Ethereum Foundation lançou o que deve ser a testnet (rede de testes) final antes da atualização The Merge ser aplicada na mainnet (rede principal) da Ethereum.

A fundação disponibilizou um guia para que outros participantes pudessem se juntar aos testes.

Esta fase é muito crítica para o projeto, pois depois de muito desenvolvimento, correção de bugs, discussões e simulações em torno da atualização da ethereum chamada The Merge (A Fusão), todas as pessoas envolvidas no ecossistema poderão ver como a rede irá se comportar durante, o que deverão ser, três meses de testes.

testnet da atualização da ethereum visual
testnet da atualização da ethereum

Marius van der Wijden, um desenvolvedor da fundação convidou os nodes, desenvolvedores e criadores a se juntarem à rede de testes, que ainda está trabalhando com prova de trabalho, antes da mudança na metade da semana que vem, para que seja testado como cada sistema irá reagir à transição:

“A rede ainda está em Proof of Work (PoW) no momento a fusão acontecerá provavelmente no meio da próxima semana. Portanto, entre enquanto a rede ainda está em PoW e verifique se seus nós/software/defi-protocol/NFTs sobrevivem à transição!”

Lançamento em Mainnet

O roadmap de um desenvolvimento de software pode ser muito imprevisível, pois sempre podem ser encontrados bugs inesperados ou surgirem novas ideias que precisam ser implementadas.

Quando falamos de uma rede viva, tão robusta e ativa como é a mainnet da Ethereum, a complexidade fica ainda mais elevada, já que isso envolve diferentes sistemas, protocolos, softwares interdependentes, nodes e um grande mercado trilionário por trás.

É por isso que, mesmo fazendo previsões, datas podem ser alteradas em um piscar de olhos e tudo deve ser feito com muito cuidado, testado, corrigido e retestado até que a probabilidade do bom funcionamento esteja satisfatória.

E claro, mesmo que tudo ocorra bem na testnet, é possível esperar um comportamento diferente ao ser implementado na rede principal. Uma coisa é um ambiente de testes controlado e outra é a grande selva computacional no mundo afora.

De qualquer forma, a atualização do Ethereum oficial está programada para o segundo semestre de 2022.

Isso deve deixar os investidores em ETH muito felizes porque o custo para administrar a rede, que eles pagam, será reduzido – em teoria – de cerca de 14.000 ETH por dia, ou US$ 36 milhões, para apenas 1.387 ETH por dia, ou US$ 3,6 milhões.

gráfico de custo para manter a rede funcionando, pago pelos investidores

Outro benefício que a atualização vai trazer é reduzir a inflação de aproximadamente 4% em ether (ETH) atualmente para cerca de 0,4%, fazendo com que a moeda se torne efetivamente deflacionária devido à uma parte das taxas de transações serem queimadas.

Sete anos depois, e depois de tantos contratempos no caminho, desta vez estamos realmente mais próximos de ver o ethereum alcançar um de seus principais objetivos de se tornar uma rede financeira global ecologicamente correta com parâmetros monetários fixos.

Leia mais:

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.