Pois é, 2020 nem começou e o Baidu já está querendo invadir seu PC novamente, dessa vez com uma criptomoeda, a Xuperchain.

Enquanto o Google é o buscador do ocidente, o Baidu é o maior da China, o país com mais de 1 bilhão de consumidores. Após o lançamento anunciado hoje, a Xuperchain (criptomoeda do Baidu) já teve 3,5 milhões de usuários e 450 milhões de transações.

De acordo com o The Block, a tecnologia utilizada pelo Baidu está de acordo com a regulamentação requerida pelo governo chinês e foi desenvolvida para facilitar smart contracts.

Ela irá usar o modelo de masternodes e cadeias paralelas para aumentar a performance do seu blockchain. De acordo com o whitepaper, a plataforma é capaz de suportar 10 mil transações por segundo e engloba 50 patentes da empresa.

Conforme noticiado anteriormente, o governo chinês está apoiando fortemente a tecnologia do blockchain. Talvez, a Xuperchain seja usada como uma cadeia de testes para a possível criptomoeda de Pequim, que vem sendo especulada há 2 anos.

Vale ressaltar que a plataforma é aberta e teve seu código liberado em maio do ano passado.

Contundo, não sabemos ainda se ela é só mais uma armadilha chinesa ou um blockchain com a ideia de ser realmente descentralizado. Provavelmente, a primeira opção.