O popular analista da rede, Willy Woo, revelou que as maiores “baleias” de bitcoin têm ficado, de certa forma, ofuscados pelas compras recentes por investidores que negociam baixos volumes individualmente e estão aproveitando as quedas do BTC para acumular criptomoedas.

Durante uma entrevista com o analista de criptomoedas Tone Vays, divulgada pelo Daily Hodl, Woo disse que investidores com 10.000 BTC ou mais estão em risco de extinção, pois distribuem sua riqueza desde 2012 para investidores menores.

Vale reforçar que ele falou sobre os “mega-ricos”, ou seja, o extremo do extremo. Isso não quer dizer que as baleias, no geral, estejam perdendo volume. Pelo contrário, em momentos de queda nos preços, as baleias costumam aproveitar para acumular.

Durante a entrevista, Woo disse que os “mega-ricos” estão desaparecendo do blockchain, no que ele chamou de “uma história de redistribuição imensa de moedas para distribuição uniforme, que é exatamente o que se deseja em uma rede monetária”.

Ainda segundo ele, desde 2017 os investidores menores vêm acumulando BTC, enquanto os investidores maiores estão vendendo parte de seus fundos, para realizarem lucros.

Para Woo, essa liquidação é sinal bullish, pois as grandes baleias segurando grandes volumes não são um bom sinal no longo prazo (isso porque basta que algumas delas desejem vender, para que o preço desabe), mas a distribuição de riqueza é “pelo bem da descentralização”.

O analista finalizou observando que as classes emergentes de investidores têm crescido constantemente.

Leia mais:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br