O Banco Central do Zimbábue começou a formular uma estrutura legal para regular a atividade de empresas relacionadas a criptomoeda no país, de acordo com o Chronicle, um portal de notícias local.

Josephat Mutepfa, vice-diretor de mercados financeiros e sistemas nacionais de pagamentos do Banco Central do Zimbábue, declarou que a estrutura é uma caixa de areia que forçará as empresas a formar parcerias com bancos ou outras instituições financeiras.

O Zimbábue adotou uma postura anti-cripto no passado, mas agora está se abrindo para novos desenvolvimentos em tecnologia de fintech.

Leia também: Coreia do Sul legaliza Criptomoedas