Nesta sexta-feira (19), o clima da Black Friday derreteu os preços no mercado de criptomoedas. Bitcoin (BTC) caiu abaixo do nível de US$ 57.000 e acumula 12% de queda em uma semana, segundo o CoinGoLive

A maioria das moedas alternativas também está no vermelho, já que toda a capitalização de mercado caiu outros US$ 180 bilhões nestas últimas 24 horas. Confira no Resumo de Mercado de hoje o consolo do ministro da economia: “Dólar está lá em cima, não tem problema”. 

Bitcoin cai abaixo de US$ 57 mil segundo  cOinGOLive
Ranking das Criptomoedas – Fonte: CoinGoLive.com.br 

Bitcoin cai abaixo de US$ 57 mil

Desde que o bitcoin atingiu seu recorde histórico de preços em US$ 69.045 na semana passada, os ursos têm sido a força predominante no mercado. 

Desta vez, a principal criptomoeda do ranking caiu para uma mínima em US$ 55.700, que se tornou o preço mais baixo visto desde 13 de outubro. 

O FIM DO REAL BANNER

Ontem, o Cointimes reportou dados sobre o balanço das exchanges. Assim como o preço, este marcador caiu para uma mínima de 3 anos. 

A partir de agora, o BTC recuperou algum terreno e atualmente está abaixo de US$ 57.000. No entanto, sua capitalização de mercado está bem abaixo de US$ 1,1 trilhão e seu domínio sobre os alts caiu para menos de 41%.

bear bitcoin
Ganhe até R$1.000 em Bitcoin nessa Black Friday e aproveite para garantir alguns Bitcoins nas suas comprasQUERO GANHAR BITCOINS

Dólar está cotado a R$ 5,57

Segundo o ministro da economia do Brasil, os investidores terão “ganho adicional” ao entrar no Brasil. 

No dia 18 de novembro, ao apresentar dados sobre o investimento estrangeiro no Brasil em palestra, o ministro Paulo Guedes disse que o dólar “está lá em cima” por causa dos ruídos políticos e fiscais que rondam o país. 

Ele falou “o dólar está lá em cima ainda por causa da barulheira infernal”, complementando “não tem problema” em seguida. 

Ele diz que o país tem R$ 544 bilhões de investimentos contratados para os próximos anos, além de R$ 150 bilhões do leilão do 5G e de US$ 10 bilhões negociados com os Emirados Árabes. 

Guedes disse, então, que os estrangeiros terão um “ganho adicional” ao investir no Brasil por causa da alta do dólar. “Não tem problema. Quem entrar agora tem uma margem adicional de ganho, porque está entrando com o dólar valorizado”, afirmou.

Altcoins

A maioria das moedas alternativas também está no vermelho. Ethereum (ETH) caiu abaixo de US$ 4.000 brevemente, mas agora está em US$ 4.150. Binance Coin (BNB), Solana (SOL), Cardano (ADA), Ripple (XRP), Polkadot (DOT), Dogecoin (DOGE) e Shiba Inu (SHIB) também estão ligeiramente no vermelho.

Leia também: Ex-sócio da Clear comenta sobre o preço do Bitcoin, teremos alta?

O resultado das principais altcoins nas últimas 24 horas é o seguinte: Ethereum (-1,61%), Binance Coin (-1,39%), Solana (-2,96%), Cardano (-1,52%), Ripple (-3,37%), Polkadot (-1,81%), Dogecoin (-2,54%), Shiba Inu (-6,16%), Avalanche (+3,09%) e Terra (-1,61%). 

De acordo com o CoinGoLive, a capitalização de mercado de todos os ativos cripto caiu para US$ 2,640 trilhões nesta sexta-feira. Isso significa que a métrica caiu cerca de US$ 400 bilhões desde seu pico há uma semana.

Acompanhe as notícias do mercado cripto no grupo do Telegram do Cointimes (acesse) e tenha um ótimo dia de negociações.

A NovaDAX está completando três anos!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil completa três anos no mês de novembro e quem ganha é você! 

Serão até 30 moedas com taxa zero para transações e mais de 80 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.