Netflix aumentou os esforços para banir o uso de VPNs e proxys que permitiam contornar restrições geográficas e quem parece que se beneficiou com isso foram os torrents e a moeda BTT do cliente BitTorrent. 

Com alta de 45% na semana, o token Bittorrent vem ganhando destaque no mercado de criptomoedas enquanto os serviços de streaming desintegram o conteúdo em dezenas de plataformas. 

De acordo com o Coingolive, o token subiu quase 7% nas últimas 24 horas enquanto o Bitcoin (BTC) caiu -1,57%.

Histórico de preço do BTT Bittorent token

O BTT é um criptoativo que serve principalmente para acelerar o download de torrents e movimentar a economia P2P de conteúdo.

E o motivo para a alta pode ter vindo diretamente de novidades da Netflix, maior serviço de streaming de filmes e séries mundo. 

Problemas: Netflix bane biblioteca de clientes 

Segundo o site Torrentfreak, a Netflix está restringindo o acesso a VPNs, proxys caseiros e, de acordo com relatos, tem banido até mesmo usuários comuns.

“O dano colateral é que você tem centenas de milhares de assinantes residenciais legítimos da Netflix impedidos de acessar o catálogo completo do país local da Netflix de sua casa”, informa um porta-voz da WeVPN, uma das empresas afetadas pelas novas políticas.

Nas redes sociais diversos usuários estão reclamando de banimentos errados e “glitchs” no serviço:

Oi! Notei que minha conta não está exibindo nada além de originais da Netflix e um punhado de conteúdo original não-Netflix na minha TV, mas no meu telefone, ele exibe tudo como de costume/normal”, observou um usuário do Reddit.

Problema na Netflix biblioteca sumiu
Problema na Netflix, biblioteca de filmes sumiu

Netflix responde: “fale com seu provedor de internet”

A conta oficial da Netflix no Twitter recomendou que os usuários que tiverem problemas com o acesso aos serviços de streaming devem contactar o provedor de serviços (ISP). 

“Oi Raymond, a ajuda está aqui!🚨 Se você não tem proxies, VPNs ou outro software de roteamento, mas ainda assim vê esta mensagem, entre em contato com seu provedor de serviços de internet. Eles serão capazes de determinar por que seu endereço IP está associado ao uso de proxy ou VPN” – respondeu a Netflix a um usuário do Twitter.

Como em muitos locais o IP é compartilhado, pode ser que o usuário não tenha sequer usado uma VPN e está sendo punido pelo uso de outra pessoa. Ainda não sabemos quais os critérios para essa restrição e nem a extensão geográfica das novas políticas, entretanto, encontramos algumas reclamações sobre o serviço no Twitter brasileiro. 

A Netflix confirmou os problemas ao Torrrentfreak e disse que está trabalhando para consertar os problemas nas contas afetadas. As contas afetadas ainda contam com os “originais”, mas perderam a habilidade de ver outros conteúdos. 

Leia também:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br