O CEO da Visa, Al Kelly, está otimista com o futuro das criptomoedas e planeja que sua empresa esteja no meio de toda essa expansão do mercado cripto. Durante uma conversa com o CEO da Fortune, Alan Murray, no podcast “Leadership Next”, Kelly afirmou que as criptomoedas podem se tornar “extremamente populares” nos próximos cinco anos.

Apesar de não descartar a possibilidade das criptomoedas acabarem sendo uma moda passageira, Kelly quer ter certeza de que a Visa, gigante global dos pagamentos digitais está “no meio de tudo” hoje:

“O que mais gosto em nosso negócio, Alan, é que não escolhemos vencedores e perdedores. Você sabe, enquanto você e eu sentamos aqui e conversamos hoje, não sei até que ponto as criptomoedas vão decolar. Vamos dizer em cinco anos que era uma moda passageira e não era grande coisa? Ou será extremamente popular? Não sou inteligente o suficiente para saber, mas o que sou inteligente o suficiente para fazer é garantir que nossa empresa esteja no meio disso hoje.”

O executivo afirmou que a Visa agora se concentra em movimentos de dinheiro, em vez de se concentrar apenas em pagamentos:

“Se decolar e conseguirmos nossa parte justa ou mais do volume, porque antecipamos que possivelmente poderia decolar e se tornar um grande negócio, certamente queremos estar preparados para isso, e acho que começamos muito bem.”

No Brasil, os cartões da Visa já podem ser usados com Bitcoin através da criptoconta do Alter, que inclusive paga algumas unidades de satoshis de volta em todas as compras realizadas pelo usuário.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Assista também ao Conexão Satoshi: Conheça a conta digital dos bitcoiners com Vinicius Frias, CEO do Alter

Bitcoin e stablecoins

Kelly divide as criptomoedas em dois baldes. Vendo o Bitcoin como o sucessor digital do ouro, ele mencionou que a Visa estava trabalhando para permitir suas compras e permitir a conversão perfeita deste criptoativo em moeda fiduciária:

“Nessa categoria, estamos tentando fazer duas coisas: permitir a compra de Bitcoin com credenciais VISA. E, em segundo lugar, trabalhar com algumas carteiras de Bitcoin para permitir que o Bitcoin seja convertido em moeda fiat.”, disse.

O chefe da Visa prevê ainda que a outra categoria (moedas digitais lastreadas por moedas estatais) pode se tornar um veículo de pagamento forte.

Em dezembro, a Visa adicionou a stablecoin USDCoin à sua rede, abrindo caminho para oferecer cartões de crédito com USDC.

Veja também: Um olhar completo sobre as stablecoins


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!