Um usuário do twitter relatou que a Coinbase, exchange norte-americana listada na bolsa de valores, lhe roubou 45 BCH. Veja como foi a conversa com o suporte para resolver o problema.

O que aconteceu na Coinbase

A acusação realizada por @cculianu é grave e foi acompanhada de imagens mostrando uma conversa com o serviço de atendimento que beira o absurdo, mas parece mais um caso de desinformação e falta de treinamento do funcionário encarregado do que realmente de um roubo.

Ainda assim, é muito preocupante que uma das maiores empresas desta indústria falhe desta forma em atender um cliente e compreender conceitos básicos como a diferença entre duas redes de dois ativos que são ofertados na plataforma.

Não só a confusão inicial é preocupante, mas o que se seguiu na conversa é ainda mais grave, quando o usuário tenta de diferentes maneiras explicar para a pessoa encarregada que ela está enganada, mas o suporte da Coinbase insistiu no erro, mesmo quando foi orientado pelo cliente a chamar um supervisor.

Passfolio

Calin Culianu disse que seu problema foi resolvido 10 horas após a última mensagem e lhe gerou perdas de US $600 devido ao atraso cometido pela empresa que é listada na bolsa de valores dos Estados Unidos.

Ethereum e Bitcoin Cash são coisas diferentes. Veja a conversa

A conversa foi a seguinte, de acordo com as imagens neste link.

Após o usuário provavelmente ter iniciado a reclamação, a Coinbase diz que:

“Deixe-me esclarecer… Todas as plataformas de ‘crypto trading’ rodam em blockchains específicas. Coinbase roda na blockchain ETH, então todos os criptoativos que nós possuímos, também precisam ser enviados da sua carteira para a nossa, via blockchain do Ethereum.”

Fonte: imgur.com/a/IRtn1Zk

Isso não é verdade. A pessoa do outro lado da tela, muito provavelmente confundiu a Coinbase, uma exchange centralizada que roda em servidor privado próprio, com exchanges descentralizadas que rodam em blockchain pública, como a Uniswap ou SushiSwap, por exemplo.

Calin afirma que “NÃO” e que eles também oferecem BCH, conforme informado em seu próprio website.

Nas imagens seguintes, vemos o cliente tentando explicar, sem sucesso, que Bitcoin Cash (BCH) é uma blockchain própria e não roda em Ethereum, assim como o Bitcoin (BTC).

A Coinbase então diz que “BTC também é um ativo de Ethereum”.

Por mais três imagens da conversa, o/a funcionário/a continua insistindo em sua teoria da blockchain do ethereum, de ativos na blockchain do ethereum e de que a coinbase roda na blockchain do ethereum. Inclusive, enviando links para o cliente.

Isso é extremamente grave, pois, por sorte, o cliente em questão é bem informado e confia em seu próprio conhecimento sobre a tecnologia, mas a grande maioria das pessoas, na mesma situação, poderia ficar confusa sobre seu próprio entendimento e até mesmo acreditar na empresa, dado sua reputação e importância para a indústria.

A conversa continua e a Coinbase finalmente parece entender que BCH e ETH são coisas diferentes – apesar do H no final do ticker, mas afirma que o cliente enviou o ativo para um endereço que não pertence à Coinbase e, portanto, eles não podem ajudar.

Calin Culianu voltou a insistir que o endereço estava correto e que ele poderia comprovar com “prints” de toda a operação. Até que o outro lado do chat concorda que: “é verdade, este endereço que você enviou realmente é da Coinbase“, mas eles ainda não conseguiam encontrar a transação e é até aí onde temos imagens para acompanhar o caso, que termina com uma aula sobre as diferentes formas de endereço na rede.

Aprender não é vergonha nenhuma e ninguém nasce sabendo

Em um ecossistema tão novo, com tecnologias tão disruptivas e uma variedade tão grande de soluções é bastante comum que confusões aconteçam e muita gente não entenda até mesmo alguns conceitos mais básicos.

Não saber não é vergonha nenhuma e todos têm que partir de algum ponto no aprendizado.

Inscreva-se no curso gratuito do Cointimes Club, para conseguir ajudar outras pessoas que ainda estão aprendendo… Principalmente se elas estão representando uma empresa que faz a custódia de seu dinheiro!

Leia mais:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br