Breaking News  
Como entrar no mercado de criptomoedas? Veja algumas dicas Mercado

Como entrar no mercado de criptomoedas? Veja algumas dicas

Veja algumas dicas para entrar no mercado de criptomoedas

Neto Guaraci
Neto Guaraci

O mercado de criptomoedas ainda é muito novo, por isso eu recebo semanalmente diversas dúvidas sobre como entrar nesse mercado.

Há cursos disponíveis? Quais são as principais oportunidades?

As perguntas são infindáveis, tentarei responder algumas e te ajudar a entrar nesse mercado em expansão.

Como se educar no mercado de criptomoedas?

O mercado de criptomoedas é muito novo, há poucas certificações e cursos de qualidade, principalmente quando falamos de mercado brasileiro.

A maior parte dos profissionais teve que aprender buscando em fontes primárias, lendo white papers, documentações e vendo palestras.

De fato, se você tem interesse não é a falta de cursos que irá te impedir de aprender. Mas claro, cursos didáticos e fáceis de entender são fundamentais para quem está saindo de um mercado (como o mercado financeiro tradicional).

As grandes obras “must read” quando falamos de bitcoin são os livros Mastering Bitcoin ( clique aqui para baixar em português) e Owning Bitcoin. Os dois livros dão uma ótima visão do funcionamento do bitcoin, um pouco de sua história e com eles já possível imaginar o impacto da tecnologia em diversas áreas.

Certificados

Ok, já sei sobre o funcionamento do bitcoin, mas gostaria de provar meu conhecimento. Bom, onde posso fazer uma certificação? No mercado brasileiro a ABCripto em breve irá lançar uma certificação.  Não conhece a ABCripto?

Nasce a ABCripto

A certificação mais usada, por enquanto, é a CBP da Cryptoconsortium. Mesmo assim ela tem pouca aderência no mercado nacional.

Expanda seus horizontes

O mercado de criptomoedas é muito diverso, isso é visto nas vagas em portais de recrutamento específico do mercado cripto. Há vagas de community e PR, gerador de conteúdo para o Coinmarketcap, desenvolvedores de gatinhos virtuais colecionáveis em blockchain.

mercado de criptomoedas kitties

Quer desenvolver contratos inteligentes?  Aprenda criando Zombies ou mergulhe na documentação de solidity. Está interessado em mineração? Comece pelo nosso podcast:

Conexão Satoshi #02 – O jogo da mineração

Vale também conhecer os grandes players do mercado e as startups mais inovadoras do Brasil:

Blockchain: Uma nova geração de startups

É possível fazer mais?

Do que vale todo o conhecimento se ele não for partilhado? Essa é a filosofia que permeia o a ideia do código aberto do bitcoin. Agora está na hora de ir para as comunidades de criptomoedas.

As discussões mais civilizadas acontecem em fóruns como o bitcointalk ou canais de irc/slack dos projetos. Mas você também pode ir para alguns grupos de bitcoin, como o nosso grupo Cointimes – Bitcoin no Brasil e Bitcoin Brasil – Oficial.

Muitas empresas e oportunidades surgem nesses grupos, eu mesmo entrei na Foxbit em uma vaga anunciada no grupo Bitcoin Brasil.

Se depois de tudo isso você não achou uma vaga de emprego, bom, com todo seu conhecimento que tal empreender?  Foi assim que a Foxbit começou, um dos fundadores da empresa bateu em várias portas e não conseguiu uma vaga, então ele resolveu  criar a própria exchange.

Veja a entrevista do João Canhada e um pouco da sua história nesse universo:

Beer 2 Beer #1: João Canhada e Foxbit

Quer receber mais conteúdos como esse? Se inscreva no canal do Cointimes no Telegram, é só acessar https://t.me/newscointimes.  Se mantenha atualizado também pelo – FacebookTwitterInstagram.

Neto Guaraci
Neto Guaraci

Sou estudante de Gestão de Negócios e Inovação na Fatec-Sebrae. Trabalho na Foxbit, ajudo na criação de conteúdo. Amo falar sobre criptomoedas, liberdade financeira e empreendedorismo. Se você também gosta, entre em contato. :)