Cointimes Awards

Facebook revela bug grave

O Facebook anunciou na sexta-feira que a rede social expôs as fotos privadas de milhões de usuários sem a permissão deles. A empresa informou que um bug recentemente permitia que desenvolvedores de aplicativos de terceiros acessassem fotos que as pessoas podem não ter compartilhado publicamente. O Facebook acredita que até 6,8 milhões de usuários podem ser sido afetados.

As fotos que os usuários começaram a enviar para o Facebook, mas não postaram, poderiam ter sido acessadas, junto com imagens postadas no Facebook Stories, escreveu Tomer Bar, diretor de engenharia do Facebook, em um post no blog. “Lamentamos que isso tenha acontecido”, acrescentou ele.

As fotos dos usuários foram expostas ao longo de um período de 12 dias em setembro, disse o blog. Quando perguntado por que o Facebook esperava para informar o público sobre o assunto, um porta-voz do Facebook disse à CNN Business: “Estamos investigando o problema desde que foi descoberto para tentar entender seu impacto, para que pudéssemos entrar em contato com os desenvolvedores e pessoas certas afetados pelo bug. Em seguida, levou algum tempo para criar uma maneira significativa de notificar as pessoas e fazer as traduções.”

A informação que o Facebook dá aos desenvolvedores de aplicativos de terceiros continua sob escrutínio. No início deste ano, um cientista de dados que trabalhava para a Cambridge Analytica revelou que a empresa utilizou o sistema há vários anos para coletar dados sobre dezenas de milhões de americanos.

Alter - Criptoback

Como resultado desse bug, a empresa disse acreditar que as fotos poderiam ter sido acessadas por 1.500 aplicativos construídos por 876 desenvolvedores. O Facebook disse que notificará as pessoas potencialmente afetadas pelo bug.

Ações do Facebook vêm tendo um ano ruim

As ações do Facebook vinham se recuperando bem depois do caso da Cambridge Analytica no final de Março, onde dados de milhões de usuários teriam sido vazados e utilizados durante as eleições americanas em 2016. Após alcançar a maior alta do ano, as ações do facebook despencaram de forma acentuada e vêm fechando o ano com quedas seguidas.

A tendência é que as ações da maior rede social do mundo terminem o ano em um patamar muito abaixo do que em janeiro. A companhia não cumpriu as expectativas de lucro dos investidores no segundo trimestre. A empresa também reportou um declínio no crescimento de usuários em mercados considerados importantes. Esse declínio está ligado ao vazamento de dados feito pela empresa Cambridge Analytica.

Este tipo de conteúdo é relevante para você ou alguma pessoa que você conhece? Se for, siga e compartilhe a página do Cointimes e se mantenha sempre atualizado no mercado – FacebookTwitterInstagram.

Alter - Criptoback

Invista em criptomoedas com segurança, alta liquidez e as menores taxas do mercado.

NovaDAX: a exchange mais completa do Brasil com mais de 25 criptomoedas listadas e a melhor nota de atendimento ao cliente.

Conheça novadax.com.br