Os fundadores da Nexo foram acusados de envolvimento em um escândalo financeiro com uma instituição de caridade búlgara, HelpKarma, mas responderam dizendo que se trata de fake news por ‘short-sellers’.

Acusação contra os fundadores da Nexo

A conta anônima no Twitter ‘otteroooo’ (@otteroooo) ganhou muitos seguidores e relevância no chamado ‘CryptoTwitter’ (CT) após ajudar a expor o caso de fraude da Terra (LUNA). Desde então, a conta vem realizando e publicando investigações de outros casos de supostas fraudes financeiras.

A denúncia mais recente foi contra os fundadores da Nexo: Kosta Kantchev, Antoni Trenchev e Georgi Shulev.

Nesta thread, o anônimo trouxe algumas informações sobre o passado em comum dos três fundadores na Credissimo, empresa de empréstimos e adiantamento salarial da Bulgária, que supostamente teve um aumento de lucro significativo ao mesmo tempo em que houve um escândalo financeiro envolvendo políticos e o dono da instituição de caridade HelpKarma.

Passfolio

De acordo com sites de notícias búlgaros, o CEO da HelpKarma estava roubando dinheiro das doações, que deveriam ser destinadas à ajudar crianças com deficiência, para construção de um palácio, além de supostos repasses a políticos.

O caso de corrupção e fraude de caridade parece ser real, mas na checagem dos fatos, não consegui encontrar ligação da ONG com os fundadores da Nexo.

Todas as supostas conexões apresentadas por otteroooo não puderam ser comprovadas e algumas foram identificadas como “equivocadas” ou mentirosas.

Resposta da Nexo

Com a repercussão do caso, a equipe da Nexo publicou uma resposta em seu blog oficial, chamada: “A anatomia das fake news”.

No texto, eles afirmam que a motivação dos acusadores é monetária, buscando lucrar com operações de vendas em ‘short’ do token da Nexo (NEXO), diante de uma reação de pânico dos investidores sobre o FUD espalhado de forma mentirosa.

Na publicação eles rebatem a suposta conexão do dono da HelpKarma, dizendo não se tratar da mesma pessoa de Kosta Kantchev (fundador da Nexo). No entanto, a alegação de otteroooo não era de serem a mesma pessoa, mas sim de serem primos. Também deveria haver uma suposta conexão de Kosta com a mesa diretora da HelpKarma, através de seu pai.

Não conseguimos encontrar a conexão na redação do Cointimes, mas tampouco esta afirmação teve resposta da equipe Nexo.

Foram encontrados laços políticos entre os outros fundadores da Nexo e que supostamente também estariam envolvidos de alguma forma ao escândalo. Não encontramos evidências suficientes das suposições, mas elas também não foram respondidas na publicação do blog.

Caso alguma ligação seja comprovada, este poderia ser um golpe muito duro para os fundadores da Nexo, para o projeto, clientes e investidores. É um “FUD” bem forte, mas até o momento sem evidências suficientes.

Seguiremos acompanhando o caso e atualizando os leitores do Cointimes sobre possíveis descobertas.

Verificar os fatos é de extrema importância para compartilhar notícias e informações. Talvez pior do que deixar um culpado impune, é punir um inocente.

Não confie, verifique.

Leia mais:

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.