Depois da grande queda do dia 12 de março, o Bitcoin tenta se recuperar a passos largos. No entanto, vem encontrando bastante resistência na região dos US$ 7.000.

Na última sexta-feira (10), um proeminente gestor de fundo de hedge afirmou que o criptoativo apresentava uma excelente oportunidade de short (venda a descoberto).

Leia também:
++ Ironicamente, fundos de hedge pedem por resgate do governo

No momento do tweet, o BTC estava sendo negociado por volta de US$ 6.900, e até o momento desta publicação, o ativo já desvalorizou 2,63%.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Agora, o mesmo gestor está reafirmando seu pessimismo de curto prazo baseado em análise técnica, dizendo que o BTC está atualmente pendurado pelas unhas à beira de um penhasco.

Em um tweet de ontem, ele sugeriu que poderia ocorrer uma queda livre se o Bitcoin perdesse o suporte que estabeleceu logo abaixo do preço atual de US$ 6.700.

“Agora mesmo, literalmente, o Bitcoin está pendurado pelas unhas à beira de um penhasco…”

Embora, sua opinião se contrasta com outros modelos de análise, por exemplo o modelo de taxa de escassez, que prevê o Bitcoin em US$ 100.000 em 2 anos.


BitcoinToYou –  Negocie criptomoedas sem pagar taxa
 
A primeira corretora do Brasil, negociamos criptomoedas desde 2010. 
Abra sua conta grátis!
 
Abrir conta


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!