A corretora KuCoin recuperou cerca de US$ 235 milhões dos US$ 280 milhões perdidos em um hack do mês passado. A exchange promete que todos os serviços voltarão ao normal nas próximas duas semanas.

Mais de um mês depois de ser invadida e drenada por quase R$ 1,5 bilhões em várias criptomoedas, a popular exchange KuCoin recuperou cerca de 84% de todos os fundos. O CEO da empresa também indicou que retomará todos os serviços da plataforma até 22 de novembro.

KuCoin recupera maior parte dos fundos

Como o Cointimes noticiou no final de setembro, a bolsa de criptomoedas KuCoin passou por um “incidente de segurança”, que resultou na perda de milhões de dólares em diferentes ativos digitais.

Embora os relatórios iniciais afirmassem que a quantia roubada era de US$ 150 milhões, mais tarde soube-se que o valor era de cerca de US$ 280 milhões. A corretora colaborou com agências de aplicação da lei para investigar o caso. Pouco depois, a KuCoin afirmou que eles descobriram as identidades dos criminosos.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Hoje, o cofundador e CEO da empresa, Johnny Lyu, forneceu notícias ainda mais positivas. Ele disse no Twitter que “84% dos ativos afetados foram recuperados por meio de abordagens como rastreamento on-line, atualização de contrato e recuperação judicial”.

Essa porcentagem significaria que o KuCoin recuperou cerca de US$ 235 milhões dos US$ 280 milhões roubados.

Serviços devem voltar ao normal ainda este mês

Lyu acrescentou que a exchange retomou o serviço completo de 176 tokens e planeja fazer o mesmo para todas as moedas antes de 22 de novembro.

O CEO da KuCoin afirmou que está feliz por sua empresa “ter lidado com este incidente de uma maneira aberta e transparente, sempre colocando nossos usuários em primeiro lugar.”

Lyu também acredita que este incidente resultará em uma “comunidade cripto mais forte”. Ele agradeceu a todas as partes que continuamente auxiliam na investigação, mas disse que a empresa só publicará mais detalhes assim que o caso for totalmente encerrado.

Vale notar que os US$ 280 milhões furtados colocam o hack da KuCoin como o terceiro maior da indústria, ficando atrás apenas do caso da Coincheck e da Mt. Gox.

Veja também: Como ganhar criptomoedas de graça com faucets


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!