O banco de investimento multinacional Morgan Stanley está adicionando Bitcoin como um investimento elegível para vários dos seus fundos institucionais, de acordo com seu  novo registro feito junto à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC).

O Morgan Stanley foi fundado em 1935, e hoje atua em 42 países, possui mais de 60 mil funcionários e uma capitalização de mercado próxima aos 120 bilhões de dólares. Recentemente, o banco também demonstrou interesse na compra de participação na Bithumb, a principal bolsa de criptomoedas da Coréia do Sul.

Sua lista inclui a possibilidade do investimento em BTC nos fundos Dennis Lynch’s Counterpoint Global Portfolio, Developing Opportunity Portfolio, Asia Opportunity Portfolio e outros. Assim como a gigante de investimentos Black Rock, os fundos terão exposição ao Bitcoin por meio de contratos futuros.

Certos fundos podem ter exposição ao bitcoin indiretamente por meio de futuros liquidados em dinheiro ou indiretamente por meio de investimentos no Grayscale Bitcoin Trust (“GBTC”), um veículo de investimento oferecido de forma privada que investe em bitcoin. […]

O Morgan Stanley começou a cogitar uma aposta em Bitcoin em fevereiro. No mês passado, ela permitiu que seus clientes ricos possuíssem a maior criptomoeda do mercado por meio dos fundos da Galaxy Digital e da NYDIG, tornando-se um dos primeiros grandes bancos dos Estados Unidos a fazer tal movimento.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Outros mega bancos americanos, como JPMorgan, BNY Mellon e Goldman Sachs demonstraram interesse em oferecer exposição ao Bitcoin e às criptomoedas através de instrumentos financeiros regulados.

Goldman Sachs, Fidelity e outras empresas aguardam decisão do SEC para oferecimento de ETF para exposição ao mercado de criptoativos. Contudo, o órgão demonstrou resistência para com os pedidos. Até o momento, Brasil, Canadá e Bermudas foram os únicos países a aprovar ETFs de criptomoedas

Leia mais: Goldman Sachs e Fidelity entram com pedido para ETF de Bitcoin

A medida reforça o fluxo de dinheiro institucional sendo alocado no Bitcoin e no mercado de criptomoedas. No momento, o BTC é negociado a US$58.960, segundo dados do Coingolive.

Leia mais: Biden propõe investimento de US$2 tri na economia dos EUA


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!