O engenheiro de software da Ripple, Evan Schwartz, acaba de anunciar que está deixando a empresa depois de seis anos e meio. Em seu recente tweet, Schwartz diz que 2 de janeiro de 2020 foi seu último dia na empresa.

Ele se despediu agradecendo o que chamou de uma jornada incrível, além de afirmar que continua torcendo pelo time. “Continuem construindo a Internet de Valor”, completou Schwartz.

Schwartz é co-fundador do Interledger Protocol (ILP), uma solução de pagamento independente de blockchain que sustenta a visão da Ripple sobre a Internet de valor (IoV).

Leia também:
++ CEO da Ripple oferece “solução trilionária” aos bancos
++ Criptomoedas para ficar de olho em 2020

Ripple abre vagas

Começando 2020, a Ripple parece preparada para uma expansão global.

Atualmente, a empresa possui 49 vagas abertas espalhadas pelo mundo, incluindo no Brasil, Reino Unido, EUA, Japão, Cingapura, Dubai e Índia.

Dezesseis posições são para engenheiros que continuarão desenvolvendo as soluções de pagamento da Ripple e ajudarão os clientes a integrar seu software. A Ripple também está procurando gerentes seniores em São Paulo, Londres e São Francisco.

As listagens de empregos da empresa também destacam os esforços da empresa para aumentar a adoção do ativo digital XRP.

Atualmente, existem oito vagas na Xpring – braço de captação de recursos e desenvolvimento da Ripple, focada principalmente no crescimento do ecossistema XRP.

A Ripple possui mais da metade da oferta total de XRP.