Parece que chegamos ao fim de mais um drama na comunidade do Bitcoin Cash (BCH), só parece mesmo.

Como mostramos no artigo anterior – ” Bitcoin Cash: A Ameaça Fantasma dos mineradores começou” – a comunidade do BCH estava próxima de se separar.

Contudo, um dos signatários que propunham uma taxa de 12,5% para cada bloco de bitcoin minerado resolveu retroceder. Após a forte oposição de boa parte dos mineradores, dos desenvolvedores e da comunidade, a Bitcoin.com de Roger Ver deixou o barco.

Conforme informado pela rede read.cash em uma conta oficial, a Bitcoin.com declarou:


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

“Achamos claro que a proposta existente não tem suporte suficiente e estaremos trabalhando para elaborar um plano que seja rentável para todas as partes relevantes e que preserve a economia fundamental do Bitcoin Cash.”

Com a saída da Bitcoin.com, a Btc.top e outros signatários perdem força.

Descentralização e maturidade

Apesar do plano não ter dado certo, ficou claro que a comunidade do Bitcoin Cash é diversa e descentralizada.

Diferente do que ocorre em outras criptomoedas, os usuários de Bitcoin Cash tiveram voz para se opor aos planos de grandes pools e mineradores. Esse é um ponto importante, visto que no passado a comunidade do Bitcoin (BTC) foi acusada de censurar qualquer opinião contrária a da empresa Blockstream.

No entanto, o drama ainda não acabou.

Ainda existem muitas dúvidas sobre quem vai pagar o preço para o desenvolvimento do Bitcoin Cash. Afinal, desenvolvedores precisam pagar as contas assim como eu e você.

Como continuar descentralizado e pagar pelo financiamento de novas pesquisas e melhorias? Bom, a resposta para essa questão ficará para um próximo artigo.

Para não perdê-lo, siga o Cointimes nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!