O país da Ásia Central alega que não possui nenhum caso na pandemia. E se você falar a palavra “coronavírus” em público, será acusado de causar pânico e poderão mandar te prender .

O presidente do Turcomenistão é o dentista e rapper Gurbanguly Berdymukhamedov: já foi nomeado Ministro da Saúde em 1997 e em 2001, foi vice-primeiro-ministro. O sistema de saúde do país é considerado um dos piores do mundo.

De acordo com informações do Repórteres Sem Fronteiras (RSF), de Paris, o governo de Berdymukhamedov decidiu simplesmente proibir (e, por vezes, prender) pessoas e jornalistas da mídia ao pronunciarem ou escreverem a palavra “coronavírus”.

Correspondentes da Radio Free Europe/Radio Liberty em Ashgabat relataram que policiais à paisana também estão prendendo pessoas que usam máscaras faciais em público.

“Essa negação de informação não só põe em risco os cidadãos turcomenos, mas também reforça o autoritarismo imposto pelo presidente Gurbanguly Berdymukhamedov.”

“Instamos a comunidade internacional a reagir e a levá-lo à tarefa por suas violações sistemáticas dos direitos humanos.”

Jeanne Cavelier, chefe da mesa da Europa Oriental e Ásia Central dos Repórteres Sem Fronteiras, em comunicado.

A situação no país

O Turcomenistão é vizinho do Irã, um dos países mais atingidos pelo COVID-19, e vários outros países da Ásia Central também possuem centenas de casos. Quais serão as consequências de se ignorar a pandemia?

Talvez muito pior do que o estrago que o coronavírus pode fazer no país que não se prepara, é o autoritarismo dos estados em prejudicar e cercear a liberdade de toda a população.

E se você achou essa medida bizarra, as Filipinas, por outro lado, estão indo ainda mais longe, fuzilando quem descumprir a quarentena.

Quem achou que a notícia mais absurda dessa crise seria o presidente da Bielorrússia indicando beber vodka para curar do vírus, infelizmente se enganou.


Tá achando que só estrangeiro tem que se preocupar com medidas autoritárias? Presta atenção no projeto que lei que temos por aqui no Brasil: