Na Devcon 5, no Japão, o cofundador da Ethereum, Vitalik Buterin, fez um discurso e falou sobre o plano de mudar para um algoritmo de consenso de Proof-of-Stake nos próximos anos. Buterin argumenta que o novo algoritmo de consenso tornará a rede mais segura e mais cara de atacar.

Embora o roteiro sugira que levará alguns anos, Buterin insistiu que a transição para Proof-of-Stake (PoS) valeria a pena, tanto em termos de escalabilidade quanto de segurança.

Durante seu discurso, Buterin explicou que, quando Satoshi Nakamoto publicou o white paper do Bitcoin em 2009, ele introduziu a noção de que haveria grandes consequências cobradas contra qualquer pessoa que tentasse atacar o sistema. No entanto, isso não era suficiente contra invasores que tinham um grande incentivo extra protocolo ou intenção maliciosa pura. Ele disse:

“Pode ser um governo ou hackers que querem se divertir. A crítica aqui diz que estamos assumindo que temos esses participantes motivados por incentivos econômicos. E se houver pessoas que não se importam e só querem quebrar a coisa?”

Como funciona o Proof-of-Stake

Com uma blockchain baseada em Proof-of-Stake, a rede é mantida por validadores que bloqueiam rotineiramente fundos usando contratos inteligentes no que é chamado de staking. Quanto mais Ether os validadores bloquearem, mais blocos eles poderão criar, o que significa que poderão obter mais retorno financeiro. No entanto, isso também cria uma penalidade maior para quem age maliciosamente.

Nesse sistema, os validadores podem ser “desafiados” por um período de tempo após a criação de um novo bloco na rede. Se o desafiante puder provar que o validador aprovou um bloqueio ilegítimo, todos os fundos bloqueados para esse bloco serão enviados do validador ao desafiante.

Isso não apenas cria incentivos para os validadores não aprovarem transações ilegítimas, mas também incentiva outros usuários a contestar transações, melhorando a segurança geral da rede.

Com isso, o blockchain se torna mais difícil e caro de atacar, pois os validadores tentam apostar mais fundos para colher mais recompensas e são menos propensos a causar danos por medo de perder esses fundos.

Isso introduz um modelo cripto-econômico muito mais forte que beneficiará a blockchain Ethereum, tornando-a mais segura e escalável por meio das soluções da camada 2. O cofundador da Ethereum concluiu seu discurso dizendo:

“Satoshi criou uma coisa realmente interessante e importante, e agora podemos construir grandes coisas em cima dela.”

Fonte: AmbCrypto.


Quer aprender a como ganhar dinheiro com o Ethereum 2.0? Leia nosso artigo sobre isso aqui na Cointimes!