A primeira venda de bitcoin por dólares que se tem conhecimento foi realizada por Martti Malmi, há cerca de 12 anos. Na ocasião, o primeiro desenvolvedor a ajudar Satoshi com o código do Bitcoin vendeu 5050 BTC por 5,02 dólares.

Nesta segunda-feira (13), o empresário Michael Saylor anunciou a compra da mesma quantidade de bitcoin por US$ 242,9 milhões. Isso demonstra que, em pouco mais de uma década, a cotação do BTC foi de 0,001 dólar para cerca de 48.000 dólares, um aumento de 4.800.000.000%.

Veja o conteúdo como web story:

Esse paralelo foi percebido pelo programador e entusiasta Narcélio Filho. Ele explicou que, na época, o preço do BTC era baseado no custo de energia que gastavam para minerar as moedas. “Com um dólar dava pra comprar milhares de BTC.”

A transação em questão é histórica, ela foi realizada para ajudar a fundar a New Liberty Standard, a primeira exchange de Bitcoin. Oficialmente, a primeira taxa de câmbio para o BTC publicada em outubro de 2009 foi 1.309,03 BTC para um dólar americano. 

Foi também o usuário “NewLibertyStandard”, comprador dos 5050 BTC, que propôs o ฿ como símbolo para a criptomoeda. “Proponho que adotemos o símbolo da moeda do baht tailandês, ฿, como o símbolo oficial da moeda bitcoin e BTC como o código oficial da moeda do bitcoin com três letras.”, publicou ele no BitcoinTalk.

Do lado vendedor, Martti Malmi é o desenvolvedor que vendeu 55 mil bitcoins que ele minerou entre 2009 e 2010. Ele poderia ser um bilionário se tivesse mantido suas carteiras intactas, mas embora tenha se arrependido, Malmi se orgulha de ter sido pioneiro.

Hoje em dia, o Bitcoin conquista uma boa adoção global. Dezenas de bilhões de dólares em BTC são negociados diariamente, de acordo com dados do Coingolive, e existem inúmeras exchanges bem estabelecidas ao redor do mundo. Agora, investidores institucionais como Michael Saylor e Paul Tudor Jones compram bitcoin publicamente.

Leia também:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br