Coingoback

As chamadas “BNB burn” são eventos que ocorrem no final de cada trimestre, onde tokens BNB são “queimados”, e saem de circulação. A próxima queima da criptomoeda Binance Coin (BNB) deverá ocorrer entre 15 e 18 de julho, de acordo com o que disse o CEO da Binance no Twitter. Na última queima, em abril, quase R$ 3 bilhões em BNB foram queimados.

Qual o impacto da queima no preço do BNB?

A Binance Coin teve uma alta em 21 de junho, seguido por uma correção. Depois disso, o mercado foi incapaz de retomar a resistência de US$ 335 e agora parece que uma nova alta pode estar a caminho. A BNB, como a maioria das criptomoedas, apresentou alta no início de 2021.

A tentativa inglesa de fechar a Binance Exchange parece ter sido um pouco ofuscada por isso.

Apesar da ideia de que se houver redução de supply e valorização, nada garante que a BNB valorize após uma queima.

A função de queima de moedas do Binance Coin (BNB) gera pressões deflacionárias que, em tese, podem manter seus preços subindo no longo prazo. 

O projeto inicial da Binance era queimar 100 milhões de BNB em 27 anos. Contudo, o prazo foi reduzido para menos de um terço. Ou seja, metade de todo o supply de BNB pode ser retirado de circulação até 2027, considerando que a mudança no prazo ocorreu em 2019.

Com mais esse conjunto de BNB sendo queimado, a Binance segue em busca de cumprir sua nova proposta, a de queimar 100 milhões de BNB em até 8 anos.

Leia mais:

_____


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!