O Museu Chamsori Gramophone e o Museu Edison Science, em parceria com Luckmon e Morrowbogi, estão criando o Edison NFT, um projeto com propriedade física de invenções históricas de Thomas Edison.

Thomas Edison, um dos mais famosos e prolíficos inventores da história, revolucionou o mundo moderno desde a eletricidade e do sistema de comunicação que usamos todos os dias até suas contribuições para a gravação de som e câmeras cinematográficas. A invenção mais famosa de Edison foi sua inovação no design da lâmpada. 

O Museu Chamsori Gramophone e o Museu Edison Science, na Coreia do Sul, abrigam a maior coleção de invenções de Thomas Edison. Son Seong-Mok, diretor do Museu Edison, levou mais de 65 anos para acumular sua coleção, que inclui um dos três veículos elétricos construídos por Edison (mais de 100 anos antes da Tesla), junto da única estação de recarga existente.

Os planos para o projeto

Através desta parceria, o projeto “Chamsori Edison NFT,” conta com mil invenções reais de Thomas Edison em NFTs, que podem ser minteadas em plataformas como a OpenSea.

Passfolio

Os NFTs incluem a primeira lâmpada, um certificado de ações da Edison Corporation, e um fonógrafo. Além disso, com base em sua própria invenção, a voz de Edison será restaurada com inteligência artificial, e sua descrição de cada item será desenvolvida.

Com relação à parceria, David Son, CEO da Luckmon, empresa que promove uma comunidade Web3 educacional para aprender com NFTs, Play-to-Earn, metaverso e blockchain, disse:

Compartilhamos o mesmo objetivo do Diretor Son, usar a tecnologia de blockchain emergente como NFT para promover a importância educacional e histórica de Thomas Edison e suas contribuições para o mundo em que vivemos.

Leia também:

Passfolio