Os maiores bancos japoneses, exchanges de criptomoedas e empresas privadas se uniram para criar uma moeda digital lastreada no iene.

Um documento divulgado pela corretora japonesa DeCurret mostrou ao mundo o que pode se tornar a primeira iniciativa privada para criação de uma moeda digital usada por um país.

“O escopo da discussão é principalmente ‘uma moeda digital compatível com o iene emitida por uma entidade privada’ ”

afirma o documento 

Por trás do projeto estão as 30 maiores empresas japonesas, como a gigante de comunicações NTT, Accenture Japão, Banco do Japão e até mesmo a Agência Financeira do país. 

Copiando do design do Bitcoin e de Nick Szabo

Em conjunto, as organizações pretendem lançar uma moeda digital usando blockchain, mas que contenha duas 2 camadas. A primeira camada serviria de base para transações e para a segunda camada, usada para satisfazer as necessidades dos mais diversos tipos de negócios. 

Moeda digital de duas camadas

O design, contudo, não é novo. Como explico no .Doc sobre a pré-história do Bitcoin, os gênios Nick Szabo e Hal Finney foram os primeiros a imaginar e até mesmo criar criptomoedas com múltiplas camadas. 

Em 1998, Szabo desenhou um mecanismo de moeda chamado de “Bit Gold”, ele nunca foi implementado. Entretanto, sua estrutura se assemelha em alguns com a do bitcoin mas nunca foi implementada. Já Hal Finney chegou a implementar seu protótipo de moeda, chamado de RPOW, ele usava os primitivos criptográficos do bitcoin para gerar moedas. 

Para Finney, o próprio Bitcoin seria usado como uma camada de confiança e neutra para liquidações entre bancos centrais. Os outros usos da criptomoeda funcionariam por meio de camadas e blockchains auxiliares.

O próprio Satoshi Nakamoto, criador do Bitcoin, sugeriu a criação de um segundo blockchain ligado com a segurança do bitcoin para suportar domínios descentralizados. A ideia, inicialmente chamada de BitDomain, se tornou a Namecoin e funciona até hoje. 

Contudo, a Namecoin não é considerada uma segunda camada do bitcoin e sim um criptoativo que utiliza do poder de mineração da principal criptomoeda do mundo para funcionar. A Lightning e a sidechain Liquid são consideradas outras layers. 

Uma ponte entre blockchain e CBDCs

Segundo o documento, esta nova moeda não será criada para entrar em atrito com a moeda digital do banco central (conhecida como CBDCs) e sim servir de “ponte” entre diversas opções.

“Esta moeda digital de ‘duas camadas’ não entrará em conflito com os instrumentos de pagamento digital existentes (por exemplo, dinheiro eletrônico, cartões de crédito e débito), infraestrutura de pagamento centralizada (por exemplo, o sistema Zengin) ou estudos sobre CBDCs …. Em vez disso, a moeda digital de duas camadas será capaz de aprimorar a interoperabilidade dessas plataformas de pagamento por meio da ‘ponte’ delas.”

– afirmou o grupo.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br