Coingoback

O bilionário mexicano Ricardo Salinas Pliego disse no domingo (27) que seu negócio bancário pode começar a usar bitcoin, tornando-se o primeiro banco do México a aceitar a criptomoeda. 

Ele disse no ano passado que tinha cerca de 10% de seu portfólio líquido investido em bitcoin. No domingo (27), ele afirmou que todos os investidores deveriam estudar a criptomoeda e seu futuro.

“Claro, eu recomendo o uso de #Bitcoin, e eu e meu banco estamos trabalhando para ser o primeiro banco no México a aceitar #Bitcoin”, disse Salinas em um tweet.

Pliego, já conhecido como um proponente do Bitcoin, manteve sua convicção, promovendo a tendência da América do Sul para a maior criptomoeda.

“Isso é totalmente certo, Bitcoin é o novo ouro, mas muito mais portátil, o transporte de Bitcoin é muito mais fácil do que ter suas barras de ouro nos bolsos … e eu sei que serei atacado por amantes do ouro”, ele respondeu a um tweet do CEO da MicroStrategy, Michael Saylor.

Saylor havia compartilhado uma entrevista anterior em vídeo com Pliego, na qual ele argumentou que o Bitcoin supera facilmente o dólar americano quando se trata de preservação de riqueza.

Salinas, considerado o terceiro homem mais rico do México com uma fortuna familiar estimada em US$ 15,8 bilhões pela Forbes, é o dono do grande Banco Azteca.

Além disso, ele é o fundador e presidente do Grupo Salinas, um conglomerado corporativo mexicano que abrange a rede de televisão e rádio TV Azteca, o varejista de eletrônicos de consumo Grupo Elektra, o clube de futebol Mazatlan FC e o Banco Azteca.

De acordo com o Bloomberg Billionaires Index, a fortuna de Salinas aumentou US$ 2,8 bilhões este ano, saltando para US$ 15,8 bilhões.

Leia Mais: 


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!