Passfolio

A Binance, maior exchange em volume de negociação, bloqueou saques e depósitos em real brasileiro (BRL) de seus clientes, com previsão de retorno em 72 horas (três dias), por determinação do Bacen, segundo comunicado aos usuários.

Na madrugada desta sexta-feira (17/06), o usuário @jr_hp7 (Twitter) disse que a maior exchange do mundo em volume de negociação, Binance, parece ter bloqueado saques e depósitos em BRL após à meia-noite.

No decorrer do dia, outra dezena de usuários começaram a fazer reclamações semelhantes e compartilhar a captura de tela de conversa com o serviço de atendimento ao cliente da empresa, onde informavam que operações financeiras de saques e depósitos em Real Brasileiro (BRL) estavam suspensas por tempo previsto de 72 horas, por determinação do Banco Central do Brasil.

“(...) nosso canal de depósitos e saques de BRL via PIX e TED estão com uma instabilidade devido à atualização de Políticas instauradas pelo BACEN – Banco Central do Brasil. Os depósitos e os saques por este meio estão bloqueados, mas não se preocupe ainda pode usar outros métodos para sacar e depositar. Neste momento o prazo que temos para voltarmos a abrir este tipo de depósitos e saques é de 72h (...).”

“(…) nosso canal de depósitos e saques de BRL via PIX e TED estão com uma instabilidade devido à atualização de Políticas instauradas pelo BACEN – Banco Central do Brasil. Os depósitos e os saques por este meio estão bloqueados, mas não se preocupe ainda pode usar outros métodos para sacar e depositar. Neste momento o prazo que temos para voltarmos a abrir este tipo de depósitos e saques é de 72h (…).”

Leia mais: Celsius Network: corrida bancária, travamento e riscos. Entenda o que está acontecendo e o efeito dominó

Passfolio

Porta-vozes da Binance não estão respondendo tentativas de esclarecimento por parte da imprensa e a conta @BinancePT, até o momento (15:45h) não publicou nenhum comunicado oficial, mas as opções estão indisponíveis no aplicativo da plataforma de negociação cripto.

saques e depósitos em BRL indisponíveis no aplicativo, conforme tentativa.

No Brasil, a instituição financeira responsável pela intermediação das operações da Binance com o Real, é o Banco Capitual, que também não se pronunciou até o momento.

Saiba mais: Brasileiros já pagam, compram, fazem transferência e até recebem salários em cripto via PIX

Recentemente algumas leis estão sendo propostas, com a intenção de regulamentar o setor de criptomoedas no país, endurecendo algumas regras e dificultando a presença de corporações estrangeiras, em uma espécie de protecionismo nacional.

Alguns usuários reportaram que a Kucoin, exchange estrangeira concorrente da Binance que também utiliza os serviços do Banco Capitual, publicou recentemente um comunicado sobre alterações nas políticas de identificação (KYC) dos clientes brasileiros, mas os saques e depósitos em BRL na plataforma continuam disponíveis normalmente.

“(…) O Banco Central do Brasil exigiu a atualização da verificação de identidade dos usuários para o uso dos serviços de pagamento em BRL. O objetivo desta atualização é garantir que os pagamentos dos usuários sejam seguros e estejam em conformidade com as regulações. Os usuários serão redirecionados para a página da Capitual para completar a verificação de identidade”.

Para aqueles que precisam fazer a operação, será preciso recorrer a alternativas, como negociações P2P, ou envio de criptomoedas para outras exchanges que possuem o par BRL.

Leia mais:

Passfolio