Conforme dados compilados pelo site de análise TradeBlock, o Bitcoin bateu outro recorde no ano passado.

A rede da criptomoeda processou mais transações do que em sua alta histórica. Enquanto em 2017 o Bitcoin processou pouco mais de 11 milhões de transações, em 2019 a rede completou mais de 12 milhões.

transações
Fonte: Tradeblock

O valor do volume de transações onchain (no blockchain) subiu para US$3,8 trilhões em volumes transferidos, superando os US$3,6 vistos em 2017.

Segwit

Enquanto em 2017 o blockchain estava limitado a apenas 1 MB efetivos, um truque criptográfico chamado de Segwit permitiu a rede suportar até 4 MB teóricos.

Segwit ao longo do tempo

Contudo, até hoje cerca de 40% da rede não utiliza o Segwit, ou seja, com o aumento da adoção dessa tecnologia o Bitcoin poderá bater novos recorde em 2020.

Com certeza em 2020 teremos grandes novidades para o Bitcoin, veja uma delas na matéria ” Upgrade do Bitcoin está “quase pronto”, veja o que pode mudar“.