Nesta terça-feira (21) o valor de mercado das criptomoedas aumentou em mais de US$ 100 bilhões em um dia, já que o BTC se aproximou de US$ 49.000, segundo o CoinGoLive

Após alguns dias de quedas consecutivas de preços, o bitcoin finalmente se recuperou e adicionou mais de US$ 3.000 de valor em um dia. Confira no Resumo de Mercado de hoje como foi a reação das altcoins e também dos mercados internacionais que sofreram pressão dos temores sobre a nova variante ômicron.

Bitcoin se aproximou e mercados caem com omicron
Ranking de Criptomoedas – Fonte: CoinGoLive.com

Bitcoin se aproximou de US$ 49.000

Os últimos dias não foram muito bem para o bitcoin (BTC). Desde o impulso de sexta-feira para US$ 50.000, o ativo teve dificuldades e até caiu abaixo de US$ 46.000 em várias ocasiões.

O exemplo mais recente veio ontem, conforme relatado quando o bitcoin caiu para US$ 45.500. Nesse ponto, porém, a paisagem mudou e os touros avançaram. 

Nas horas seguintes, eles empurraram a criptomoeda para o norte e o BTC agregou mais de US$ 3.000 em valor. Como resultado, o bitcoin se aproximou de US$ 49.000 pela primeira vez em cinco dias. 

Leia também: Análise on-chain: investidores estão submersos e mineradores podem se tornar HODLers

Apesar de ter sido rejeitado nesse nível, por enquanto, o BTC ainda está em torno de US$ 48.880 –  R$ 280.700 nas principais corretoras brasileiras e subiu 6,39% em um dia. Além disso, a capitalização de mercado do bitcoin recuperou a marca de US$ 900 bilhões.

Ômicron afeta o mercado de ações 

Os mercados tiveram mais uma sessão ontem de correção por receio à nova variante do Covid, ômicron. Além disso, a possibilidade de uma injeção de estímulos fiscais abaixo das expectativas nos Estados Unidos em 2022 também esteve no radar dos agentes e penalizou os mercados acionários. Tudo isso se refletiu no desempenho dos ativos domésticos.

Em Nova York, o índice Dow Jones fechou em queda de 1,23%, a 34.932,16 pontos; o S&P 500 recuou 1,14%, para 4.568,02 pontos; e o índice Nasdaq cedeu 1,24% e encerrou o dia negociado a 14.980,94 pontos. Por aqui, o Ibovespa chegou ao fim do pregão de segunda-feira aos 105.019,78 pontos, em queda de 2,03%, após ter operado na casa dos 104 mil pontos nas mínimas do dia. 

Leia também: Como comprar gift card em bitcoin para o Natal?

A piora recente nas premissas macroeconômicas, com projeção de crescimento zero no Produto Interno Bruto (PIB) em 2022 e escalada na taxa básica de juros para conter a alta na inflação, também causou um movimento de forte revisão na avaliação das empresas por parte dos bancos e casas de análise nas últimas semanas.

Apesar de os fundamentos estarem em grande parte inalterados, com analistas ainda esperando bons desempenhos da maioria das companhias no quarto trimestre e início do próximo ano, as incertezas trazidas pelos cenários político e econômico tiveram que ser ponderadas nos preços dos ativos.

O método mais usado para isso é o fluxo de caixa descontado, que consiste em trazer os fluxos de caixa futuros das empresas para o presente, descontados pela taxa de juros. Com a Selic subindo de 2% ao ano em janeiro para 9,25% ao ano em dezembro, o impacto nas avaliações foi grande.

Com alta de 1,12% em um dia, segundo o CoinGoLive, o dólar (USDC) está sendo negociado a R$ 5,76. 

Terra, Avalanche, Shiba Inu e Polygon avançam em 24 horas

As altcoins também sofreram nos últimos dias, mas estão todas bem hoje. A Ethereum (ETH) foi negociado abaixo de US$ 3.800 ontem, mas um aumento de 6% em uma base diária levou a segunda maior criptomoeda para US$ 4.040.

Leia também: Qual a criptomoeda preferida destes 5 personagens de Arcane?

Além do ETH, a Terra (8,92%), Avalanche (15,2%), Shiba Inu (11,35%) e Polygon (11,25%) produziram aumentos mais significativos em um dia. Consequentemente, LUNA está acima de US$ 80, AVAX está perto de US$ 120, SHIB está em US$ 0,000032 e a MATIC é negociada a US$ 2,3.

O resultado das principais altcoins nas últimas 24 horas é o seguinte: Ethereum (+6,19%), Binance Coin (+3,86%), Solana (+4,72%), Ripple (+4,15%), Cardano (+4,36%), Terra (+8,92%), Avalanche (+15,2%), Polkadot (+3,99%), Dogecoin (+5,13%), Shiba Inu (+11,35%) e Polygon (+11,25%). 

De acordo com o CoinGoLive, a capitalização de mercado de todos os ativos cripto aumentou para cerca de US$ 2,383 trilhões nesta terça-feira.

Acompanhe as notícias do mercado cripto no grupo do Telegram do Cointimes (acesse) e tenha um ótimo dia de negociações.

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br