Um relatório interno apresentado ao presidente chinês Xi Jinping e outros líderes importantes concluem que o sentimento global anti-China está em um nível nunca antes visto desde a repressão da Praça Tiananmen em 1989 e recomenda a preparação para o pior cenário de conflito armado com os Estados Unidos, de acordo com a Reuters, citando pessoas familiarizadas com o conteúdo do documento.

O relatório, criado pelo Instituto de Relações Internacionais Contemporâneas da China (CICIR) – que é afiliado ao Ministério da Segurança do Estado – sugere que a onda de sentimentos anti-China é liderada pelos Estados Unidos, que vêem a ascensão do país asiático como uma superpotência global como uma ameaça para as democracias ocidentais.

Guerra da China com Estados Unidos?

De fato, Donald Trump acusa sempre que possível os chineses pelo vírus, chamando de “o vírus da China” e cobrando responsabilidade do governo.

O encobrimento precoce do surto na China – incluindo silenciar e / ou desaparecer médicos e jornalistas que denunciam, mentindo sobre a transmissibilidade do vírus enquanto acumula equipamentos de proteção individual (EPI), colocando Wuhan em quarentena no mercado interno, permitindo viagens internacionais e usando a Organização Mundial de Saúde como cobertura – atraiu desprezo global, já que a COVID infectou mais de 3,5 milhões e matou quase 250.000 em cinco meses.


Quer ganhar Bitcoins?
A gente te ajuda nisso.
Abra uma conta grátis!


 

Noticiamos diariamente a tentativa de censura nas mídias chinesas, incluindo a propaganda feita pelo governo chinês que ajudou a espalhar o vírus na Itália:

Propaganda chinesa ajudou a espalhar covid-19 na Itália – piorando o surto

China: Potência Militar

Como observa a Reuters, o Presidente da República Democrática do Povo da China transformou as forças armadas do país em uma força de combate equipada para vencer guerras modernas – expandindo as capacidades aéreas e navais e alcançando um desafio a mais de 70 anos de domínio dos EUA na Ásia.

Inclusive, segundo o Canal Hoje no mundo Militar, os navios chineses estão provocando aliados dos EUA no Mar da China, visto que diversos navios da marinha dos EUA estão parados devido ao covid19.

O Ministério das Relações Exteriores da China está agora pedindo paz e cooperação, dizendo que “o desenvolvimento sólido e constante das relações China-EUA” é do melhor interesse dos países e da comunidade internacional e que “quaisquer palavras ou ações que se envolvam em manipulação política ou a estigmatização sob o pretexto da pandemia, incluindo a oportunidade de semear discórdia entre países, não é propícia à cooperação internacional contra a pandemia “.

Enquanto isso, Trump anunciou que cortaria o financiamento da Organização Mundial de Saúde (OMS) por ser “muito centrado na China”.


BitcoinToYou –  Negocie criptomoedas sem pagar taxa
 
A primeira corretora do Brasil, negociamos criptomoedas desde 2010. 
Abra sua conta grátis!
 
Abrir conta


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!