Um grupo de desenvolvedores criou um token para valorizar toda vez que alguém é infectado pelo novo coronavírus, para aumentar a conscientização e doações.

Chamado pelos críticos de “um projeto de mau gosto”, o grupo afirma que “documenta a disseminação do coronavírus em blockchain” e que 20% dos fundos provenientes da venda dos tokens são doados à Cruz Vermelha.

Leia também:
++ Como o coronavírus está prejudicando a economia dos EUA
++ Amazon pode desvalorizar com crise do coronavírus
++ Coinbase está testando o controverso sistema IA da Clearview

Como o CoronaCoin funciona

Enquanto o mundo continua a se preocupar com o coronavírus, um grupo de entusiastas de criptomoedas supostamente construiu uma moeda que permite aos titulares lucrar com a proliferação do vírus.

A CoronaCoin (NCOV) é a primeira e única criptomoeda apoiada por Prova de Morte (Proof of Death), com base em estatísticas obtidas da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O número total de tokens é o equivalente à população mundial, aproximadamente 7,6 bilhões, e à medida que o número de infectados ou mortos pelo vírus aumenta, tokens são destruídos manualmente a cada 48 horas. Para cada infecção, um token é queimado.

Essa medida deflacionária é projetada para aumentar o valor das moedas restantes à medida que mais são queimadas.

Como o projeto promete ajudar o mundo

Segundo um administrador do grupo do Telegram da CoronaCoin, o benefício de documentar a propagação do vírus em blockchain é que ele é sem censura.

“As pessoas por trás do grande firewall podem visualizar as estatísticas reais de mortes verificando nosso contrato de token no Etherscan.io”, disse ele.

A primeira página do site possui um mapa interativo que calcula o número total de infecções. Segundo a Etherscan, existem quase 600 endereços que compraram a CoronaCoin.

Além disso, o site da empresa promete doar fundos à Cruz Vermelha para ajudar nos esforços para impedir a propagação do vírus.

Se você ficou interessado pelo projeto, vai precisar de uma carteira MetaMask e de uma conta na Saturn Exchange.

Qual a sua opinião sobre a CoronaCoin, investiria ou acharia muito mórbido? Queremos ler seu comentário abaixo!