O sistema de pagamentos instantâneos anunciado pelo Bacen, já recebeu um nome e uma data, se chamará PIX e será lançado 16 de novembro deste ano.

A ideia é substituir as transações com dinheiro em espécie ou por meio de transferências bancárias (TED – Transferência Eletrônica Disponível – e DOC – Documento de Ordem de Crédito) e débitos por transações entre pessoas.

De acordo com o presidente do Banco Central Roberto Campos, os pagamentos instantâneos serão feitos em alguns segundos entre contas correntes com uso de QR Code.

Também de forma semelhante às criptos, o sistema funciona por 24h todos os dias da semana.

O novo sistema beneficiará fintechs como exchanges de criptomoedas, que poderão reduzir os custos e aumentar a velocidade de saques e depósitos em real.

Continue lendo: CEO da Ripple oferece “solução trilionária” aos bancos