Breaking News  
Fundador da Nano fala que Ripple é muito lenta para os bancos Notícias

Fundador da Nano fala que Ripple é muito lenta para os bancos

Mais lenta do que a Nano e mais centralizada que os bancos.

Cointimes
Cointimes


Colin LeMahieu, fundador da criptomoeda Nano fez algumas declarações um tanto polêmicas, mas realistas sobre a moeda XRP-Ripple.

Em entrevista para o portal CryptoBriefing, Colin afirmou que o setor bancário não usaria a criptomoeda Ripple. Para ele existe um risco muito grande de usar uma XRP, visto que mais da metade de todo o supply fica com a Ripple Labs.

Nós explicamos todos os problemas da Ripple Labs no post de análise:

“Muitos bancos que eu conversei tem considerado e negado o uso de XRP baseado no fato de que uma companhia detém 50% do martket cap” disse Colin. “Uma única companhia com tamanha posição na XRP não é algo que eles aceitariam de uma perspectiva de risco”

Nano é mais rápida?

Em um teste feito em outubro e divulgado pelo Twitter oficial da Nano mostrou que a criptomoeda de LeMagieu é 6 segundos mais rápida que sua rival XRP.

Apesar da vantagem sobre a moeda centralizada da Ripple Labs, a Nano é apenas a 38° criptomoeda em valor de mercado, enquanto a XRP é a segunda.

A XRP está muito bem empregada em diversos serviços e já tem muitos contatos e testes com grandes bancos e palyers do mercado tradicional:

Qual o motivo para a Nano ser tão rápida?

No post de análise sobre a Nano analisamos a estrutura tecnológica do block-lattice, uma nova tecnologia onde cada usuário tem seu próprio blockchain, explicamos melhor o funcionamento no post abaixo:

Caso tenha gostado, compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Se quiser continuar recebendo conteúdos como esse, favorite o Cointimes e ative as notificações clicando no ícone à direita.

notificações investimentos

Cointimes
Cointimes

Cointimes é um portal de conteúdo sobre a nova economia que está mudando o mundo. Aqui é um espaço aberto que busca ajudar a mudar a vida das pessoas através do conhecimento sobre blockchain, criptomoedas, educação financeira, investimentos, aplicações descentralizadas, inovação e empreendedorismo digital.

O Cointimes utiliza cookies com o objetivo de melhorar sua experiência em nossa página web e adaptar o conteúdo para torná-lo mais útil e acessível. Para mais informações, consulte a nossa política de cookies.