O interesse do varejo pelo bitcoin parece estar se dissipando e o número de buscas no Google pelo ativo sofreu a maior queda em mais de um ano.

Baixo interesse do varejo

Ao que tudo indica, a demanda dos investidores de varejo diminuiu nos últimos meses, pelo menos de acordo com dados registrados pelo Google Trends.

O número de buscas no maior mecanismo de busca do mundo normalmente mostra o comportamento de investidores menores. Este foi o caso no final de 2017, quando a BTC atingiu o pico de cerca de $20.000 dólares.

Quando o ativo entrou na baixa do mercado, as buscas por Bitcoin desapareceram. Semelhantemente, durante os aumentos de preços do ano passado – quando a BTC entrou em colapso em abril e mais tarde em novembro, as buscas também caíram.

A criptomoeda começou a se retrair mais uma vez, levando a um declínio de quase 50% em cerca de 6 meses. De certa forma, os dados do Google Trends mostram que pesquisas com o termo “Bitcoin” caíram, e caíram para níveis vistos pela última vez em dezembro de 2020.

Medo volta a assombrar investidores de Bitcoin

O famoso Fear and Greed Index (Índice de Medo e Ganância) estima o sentimento geral dentro da comunidade cripto, examinando vários fatores – como volatilidade de preços, pesquisas, dominância do BTC, volume de negociação, e interações nas mídias sociais. 

No final de março, quando a BTC estava caminhando em direção à marca de $50.000 dólares, a métrica foi para a ganância extrema pela primeira vez desde novembro do ano passado. Entretanto, como o BTC começou a esfriar em abril, o índice caiu para o medo extremo. 

Hoje, o índice voltou para  um território de medo, mesmo após a recuperação do BTC. 

Leia mais:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br