O número de pessoas acumulando mais de 10 e 32 Eth (token da rede Ethereum) está subindo drasticamente e já bateu recorde nas últimas 24 horas.

Segundo dados da Glassnode, a quantidade de endereços com mais de 32 Eth subiu repentinamente para mais de 120 mil nas últimas 24 horas. São 3.862.592 eth ou o equivalente a pouco mais R$4 bilhões imobilizados em Ethereum:

Endereços com mais de 32 ETH nas últimas 24 hora
Fonte: Twitter Glassnode

O número de endereços com mais de 10 moedas também subiu e já está em 280.974, conforme o gráfico abaixo:

O que isso significa?

Conforme mostramos no texto “ETH PoS: Como ganhar dinheiro com o Ethereum 2.0?“, o Ethereum irá passar por uma atualização nos próximos meses e mudará seu algorítimo de consenso para Proof of Stake.

Como resultado, os investidores que quiserem “minerar” blocos no Ethereum precisarão de 32 moedas para participar do processo. Isso explica o aumento repentino na quantidade de holders de exatos 32 ethers.

Enquanto mais de 120 mil endereços conseguiram os requisitos mínimos para participar de consenso, aparentemente há outros 250 mil com mais de 10ETH. É possível que esses holders tentem mais do que triplicar seu stake e tentar entrar no processo também.

Isso significaria uma pressão ainda maior na compra do token nativo do Ethereum e o que poderia levar a uma possível alta de preços.

Além disso, é importante ficarmos de olho nas propostas de faseamento entre o Ethereum 1.0 e o 2.0, pois ela pode levar a uma diminuição no fornecimento de ETH por meio de mineração. Os desenvolvedores do Ethereum planejam implementar uma “bomba de dificuldade” futuramente, aumentando a dificuldade para achar blocos e, por tanto, gerar novos tokens.

Consequentemente, nessa fase de transição a pressão de compra do Ether será ainda maior. Resta saber se o Ethereum 2.0 sairá do papel como planejado, pois o projeto é famoso pelo seu atraso e adiamentos.

Veja também:Ethereum 2.0 – Estágio final de testes começa nessa semana