Um líder que fazia rede na Unick Forex, e posteriormente na A2 Trader, outra pirâmide financeira, foi assassinado a tiros nesta terça-feira (5), em Curitiba, no Paraná. O caso foi noticiado pelo jornal local BandaB.

Segundo uma fonte, a vítima seria João Silva, padeiro e youtuber do canal Crypto Febre, que usava seu canal para atrair vítimas para os golpes Unick Forex, e posteriormente A2 Trader. Ele foi morto com 3 tiros dentro de seu carro.

Em vídeo de 2018, João Silva gravou um vídeo com o diretor de marketing da Unick Danter Silva, onde Danter projeta que 2019 seria o ano que a empresa iria estabelecer sua estrutura. Na realidade, foi o ano em que Danter foi preso.

O delegado Thiago Nóbrega, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), comentou que os familiares não sabiam de qualquer ameaça, desavença ou envolvimento com drogas que justificariam um crime tão bárbaro, mas sabiam que ele estava envolvido com “empresas de criptomoedas”.

Por imagens de câmeras de segurança, o delegado viu que houve uma conversa entre João e o assassino. “Pelo que percebemos nas imagens de segurança, eles conversam por alguns segundos e são efetuados os tiros. Acredito que não tenha sido uma tentativa de assalto, então vamos identificar a motivação do crime e depois dar uma resposta à sociedade”, acrescentou o delegado.

++ Veja o que fazer se você perdeu dinheiro na Unick Forex


Siga nosso canal do Telegram para ficar por dentro de todas as notícias!