Rispar

A Bitmain é de longe a maior produtora de chips para máquinas de mineração de Bitcoin do mundo, a empresa enfrenta uma crise interna sem precedentes.

Enquanto que no começo do Bitcoin era possível minerar utilizando um cpmputador caseiro, a indústria foi se especializando e hoje são fabricados chips especializados para essa tarefa.

A pioneira e maior produtoras desses chips é a Bitmain. Fundada por Jihan Wu, chinês que vendeu tudo para investir em bitcoin e por Micree Zhan, a companhia além de fabricar máquinas, tem também pools de mineração e é atuante no desenvolvimento do Bitcoin Cash (BCH), competidor direto do Bitcoin Core (BTC).

De acordo com dados divulgados pela própria empresa a autoridades chineses, eles conseguiram mais de US$2,5 bilhões em receita no ano de 2017.

Coinext 760x150

 

Agora, próximo ao halving do bitcoin, a Bitmain enfrenta uma feroz batalha judicial.

Veja mais sobre a Bitmain: Conheça a empresa com 1 milhão de bitcoins

As duas “Bitmains”

No começo de 2018 Jihan Wu foi afastado da direção da Bitmain. A empresa começou a tomar outro rumo, divergindo energias entre a criação de máquinas para mineração de criptomoedas e hardware específico para inteligência artificial.

Enquanto a Bitmain focava em mudar seu core business, alguns competidores surgiram e conseguiram pegar parte do marketshare das máquinas de mineração.

Após um tempo afastado e vendo a empresa com problemas, Jihan voltou no final de 2019, retirando Micree da direção.

Com essa mudança, a empresa anunciou redução de pessoal e um plano de financiamento para pequenos e médios mineradores de bitcoin.

Guerra interna

Conforme informações da Coindesk, Micree Zhan saiu da direção da companhia. Entretanto, ele está movendo ações judiciais contra algumas holdings da produtora de chips.

Mais especificiamente, Micree está processando a subsidiária Fujian Zhanhua e já conseguiu o congelamento de 36% dos ativos da empresa.

A Fujian é uma das 4 principais subsidiárias da Bitmain e de importância estratégica para a companhia.

Embora tenha passado por momentos difíceis no “inverno das criptomoedas” em 2018, quando o preço do bitcoin caiu drasticamente, a Bitmain parece se recuperar.

Com as novas máquinas S19, a gigante chinesa pretende reconquistar o mercado.

Será que os problemas internos da companhia vão abrir mais espaço para o crescimento de competidores?


Invista em criptomoedas com segurança, alta liquidez e as menores taxas do mercado.

NovaDAX: a exchange mais completa do Brasil com mais de 25 criptomoedas listadas e a melhor nota de atendimento ao cliente.

Conheça novadax.com.br