Breaking News  
6 maneiras de manter o controle emocional fazendo trade de criptomoedas Opinião

6 maneiras de manter o controle emocional fazendo trade de criptomoedas

Não deixe suas emoções controlarem o seu trade

Cointimes
Cointimes
 Comprar e vender criptomoedas é uma experiência emocional. As velocidade nas tomadas de decisão, os diferentes tipos de moedas e negociações deixam a maioria dos traders bem stressados. Outros preferem guardar suas moedas e esperar uma valorização futura.

Tudo isso torna a compra e a negociação de criptomoedas divertidas e potencialmente lucrativas.  Além de todas dificuldades acima, ainda há o famoso FUD (medo, incerteza e dúvida), o que cria um risco de tomar decisões com base na emoção e não nos fatos.

Para mitigar riscos e evitar a perda de fundos no mercado de criptomoedas, é crucial manter as emoções sob controle. O guia a seguir foi elaborado para ajudar você a evitar que suas emoções ditem seus ofícios.

1. Faça um plano trade

A coisa mais importante antes de começar a negociar é ter uma ideia clara do seu objetivo ao investir em criptomoedas. Antes de comprar qualquer ativo, faça a si mesmo estas perguntas:

Comprar criptomoedas se encaixa no seu perfil de investidor? Você tem outras economias? Se não, cripto é a melhor maneira de começar a investir? Investir em algo menos arriscado não faria mais sentido?
Você pode perder o dinheiro que pensa em usar para comprar criptomoedas?
Você conhece os riscos e a volatilidade dos mercados de criptomoedas?
Como você usará suas criptomoedas: comprar e manter ou negociar?

Se você quiser dicas sobre o mercado financeiro tradicional, ouça nosso podcast sobre renda fixa:

Conexão Satoshi #05 – Truque de mestre: Investimentos de renda fixa

2. Faça sua pesquisa

É fundamental fazer uma pesquisa sobre a criptomoeda que você irá negociar, entender a tecnologia e os motivos para existência do projeto. Não deixe de ler nossas análises, temos vários projetos, como Ethereum, Monero, Bitcoin e outros.

Ethereum: uma análise completa

Procure criptomoedas apoiadas por boa tecnologia e uma comunidade ativa. Embora essas duas coisas não sejam garantia de sucesso, elas ajudarão você a entender melhor o que está comprando.

Nessa área de estudos, uma boa opção é procurar por cursos de trade. A Foxbit oferece esse tipo de curso, nele você aprende tudo sobre o mundo dos trades, vale a pena dar uma olhada.

3. Escolha uma boa exchange

Escolher a plataforma certa é descobrir qual delas o ajudará a alcançar seus objetivos com base em seu plano. Alguns corretoras têm dezenas e dezenas de moedas disponíveis, enquanto outros listam as mais conhecidas.

Há corretoras que permitem o saque em moeda corrente (real e dólar), enquanto outras não. Descobrir qual é o melhor para você é essencial. Aqui estão alguns fatores a serem considerados:

Local: o uso de uma exchange nacional pode facilitar a retirada de reais e a liquidação das criptomoedas. Além disso há toda uma questão legal, escolher uma corretora já firmada no mercado é também uma forma de lidar com a legislação do país.

Moedas e pares de negociação disponíveis: quais moedas estão disponíveis? Quais pares de negociação? Se você estiver olhando para o longo prazo, talvez uma exchange com poucos pares e conversão para reais seja o suficiente.

Agora, se o seu negócio vai ser especulação diária, o famoso day trade, talvez seja melhor entrar em uma corretora com vários pares e recursos avançados.

Segurança: a segurança da plataforma é fundamental. Que tipo de procedimento de login o site possui? Quanto mais estrito for, melhor. Certifique-se de que a plataforma faz todo o possível para proteger seus fundos contra hacks. Verifique online para notícias associadas à plataforma e quaisquer riscos relatados. Outra parte da segurança essencial é o atendimento da corretora, ele é rápido e bom? Isso é fundamental em uma situação de problemática.

4. Conheça seus limites

Você tem que saber quanto você pode gastar e ficar dentro desse limite. Quanto você quer gastar depende do seu plano (veja o ponto 1 acima). Investir em criptomoedas acarreta em riscos significativos, por isso você só deve gastar o que pode perder. Depois de definir seu limite, cumpra-o. Não decida gastar mais por um capricho ou por causa do FUD ou notícias positivas. Isso pode te levar ao desastre.

5. Aproveite as ordens de limite

Stop Limit esse é um tipo de ordem que pode te proteger de grandes perdas. Uma ordem de limite permite definir o limite mais baixo para o qual você permitirá que a criptomoeda caia antes de vender . As ordens de limite também podem servir para limitar os ganhos.

Por exemplo, você compra uma moeda a 20 reais por moeda. Se você espera que o valor suba rapidamente, você pode definir uma ordem de limite de R$ 19,99. Se o preço cair drasticamente, a plataforma venderá automaticamente suas moedas a R$ 19,99. Se o valor da moeda subir para 25 reais por moeda, você pode alterar a ordem do limite para R$ 24. A maioria das trocas terá um sistema de ordens de limite.

Antes de começar a comprar criptomoedas, teste o sistema de pedidos de limite. Não é uma ciência perfeita, mas as ordens de limite ajudam a limitar as perdas e garantir ganhos.

6. Não fique obcecado com gráficos de mercado

No momento, as criptomoedas ainda são muito voláteis. Claro, isso é bem atraente para os traders. Os preços podem mudar em segundos, o que cria oportunidades de lucro. Ao mesmo tempo, a volatilidade pode ser uma montanha russa emocional.

Observar os gráficos de mercado pode fazer com que a pressão arterial aumente e desencadeie respostas emocionais, levando a vendas em pânico ou a compras no momento errado. Isso não significa que você não deve analisá-los, apenas que não faça isso 24 horas por dia. Inclusive nós temos uma analise técnica quase diária, clique aqui para ver as últimas.

Texto adaptado e traduzido de Hackernoon.

Cointimes
Cointimes

Cointimes é um portal de conteúdo sobre a nova economia. Um espaço aberto que busca ajudar a mudar a vida das pessoas através do conhecimento sobre blockchain, criptomoedas, educação financeira, investimentos, aplicações descentralizadas e empreendedorismo digital.

O Cointimes utiliza cookies com o objetivo de melhorar sua experiência em nossa página web e adaptar o conteúdo para torná-lo mais útil e acessível. Para mais informações, consulte a nossa política de cookies.