O novo programa social do governo fez o dólar disparar e a B3 cair, enquanto o bitcoin agradece.

Nessa segunda-feira (28), o governo mostrou ao Brasil a proposta do novo programa social “Renda Cidadã” e o mercado reagiu negativamente, beneficiando o Bitcoin que está em alta hoje (29).

Dólar em alta e malandragem do governo

O novo programa social fez o dólar ultrapassar os R$ 5,63 e fechar no dia de ontem com a maior alta dos últimos 4 meses. A desconfiança acontece por dúvidas sobre o financiamento do programa, que usará de “contabilidade criativa” para se pagar.

Isso significa que o governo está tirando dinheiro de onde não tem para criar um programa que substituirá o Bolsa Família e o atual auxílio emergencial. Para o comentarista e mestre em administração pública na Universidade de Harvard Vinicius Torres Freire, o governo está dando uma pedalada fiscal.

“Uma malandragem qualquer para furar o teto de gastos e tentar fingir que não aconteceu nada. Mas a cara de pau foi grande. O governo quer fazer uns R$ 40 bilhões de dívida extra, 0,5% do PIB, fingindo que não. É pedalada. A esperteza é que Jair Bolsonaro quer pôr essa mutreta na conta do Congresso.

Não quis cortar o abono salarial ou congelar os benefícios do INSS, necessário para fazer o Renda Cidadão e manter o teto de gastos. Também não teve coragem e capacidade de propor uma reforma séria do teto. O que sugere então? Calote e mão grande.”

afirmou Vinicius

Nem mesmo Paulo Guedes gostou da proposta, mas ele prefere não entrar em conflito com Bolsonaro.

“A proposta de usar recursos de precatórios e do Fundeb para bancar o Renda Cidadã enfrenta resistência até mesmo dentro da equipe econômica do governo”

disse Paulo Guedes a CNN

O Bitcoin agradece

O tumulto no mercado financeiro brasileiro teve efeitos positivos para o Bitcoin no Brasil. A criptomoeda está lateralizando na faixa dos US$10.000, mas no Brasil ela não para de subir e já ultrapassa os R$60 mil em algumas exchanges.

A alta do dólar teve um efeito positivo no btc, mas além disso, o Brasil tem se tornado um hub de inovadores nesse mercado. 

Recentemente, a Hashdex lançou o primeiro ETF de Bitcoin do mundo. Enquanto isso, a Alterbank efetua um dos primeiros crowdfundings do mercado de criptoativos e diversas corretoras estão se preparando para aumentar a disrupção no setor bancário do Brasil. Até mesmo grandes nomes do mercado tradicional  brasileiros já embarcaram no Bitcoin, é o caso do investidor Luis Stuhlberger

Até mesmo as corretoras de bitcoin estão à frente em questão de organização e já criaram uma autorregulação que abarca mais de 80% do mercado de criptoativos no país, uma inovação que visa proteger esse novo mercado. Exchanges como Foxbit, Novadax, Bitpreço e Ripio  já aderiram a autorregulação. 

Quanto mais alto o dólar e mais problemas o governo brasileiro tiver, mais o bitcoin será usado. A Venezuela e Argentina já viram esse efeito, bitcoinização da economia depende dos inovadores, mas também da incapacidade governamental.

Leia também: Argentina bate recorde de bitcoins negociados

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br