Jurrien Timmer, macro estrategista da gigante financeira Fidelity, está revisando suas perspectivas para o Bitcoin (BTC) depois que a principal criptomoeda caiu abaixo de um nível de preço importante.

Em publicações para seus 86.700 seguidores no Twitter, Timmer diz que ficou surpreso ao ver o Bitcoin não manter a linha em US$ 40.000 depois de cair constantemente de sua alta histórica de novembro, acima de US$ 69.000.

“Foi uma viagem ruim para as criptomoedas. A cesta de ações sensível ao Bitcoin da GS [Glassnode] já atingiu seus mínimos de 2021 – não é um grande sinal.

Achei que US$ 40 mil seria o fundo, com base no meu modelo de demanda e dinâmica on-chain (através do indicador de fluxo de dormência), mas aqui estamos em US$ 35 mil.”

Bitcoin
Reprodução/Twitter.

Em seguida, citando tendências passadas de mãos fracas capitulando para mãos fortes, Timmer vê o potencial para o Bitcoin reverter o curso e subir mais uma vez.

“O Bitcoin geralmente supera o lado positivo e negativo, então talvez isso seja tudo o que está acontecendo aqui.

Aqui está o “fluxo de dormência ajustado pela entidade”, que mede a transferência de mãos fracas para mãos fortes. Está na faixa que parou todos os declínios anteriores.”

Fluxo de dormência do Bitcoin
Reprodução/Twitter.

Em relação à oferta e demanda de Bitcoin, o analista diz:

“Quanto mais baixo o Bitcoin cair, mais subvalorizado ele se tornará em uma base fundamental.”

Bitcoin modelo de oferta e demanda
Reprodução/Twitter.

Timmer também destaca que a proporção Bitcoin-ouro está “de volta à zona de suporte e está com 1,51 de desvio padrão de sua linha de tendência”.

Bitcoin vs. Ouro
Reprodução/Twitter.

O estrategista compartilha seu gráfico final como um indicador de que “o momento de curto prazo está agora exibindo uma divergência de alta”.

gráfico do bitcoin
Reprodução/Twitter.

Timmer conclui sua análise dizendo que, embora o Bitcoin tenha sofrido uma viagem difícil que também viu as ações especulativas desmoronarem, os fortes fundamentos do BTC permanecem intactos.

“O Bitcoin claramente foi pego na tempestade de liquidez que agora está varrendo o lado mais especulativo do mercado de ações.

Mas, ao contrário das ações de tecnologia não lucrativas, o Bitcoin tem uma base fundamental que provavelmente ficará mais atraente ao longo do tempo.

Agora que a maré de liquidez está voltando, os fundamentos devem importar mais do que nunca em 2022.”

No momento da redação deste artigo o bitcoin estava sendo negociado lateralmente em US$ 36.187. Nos últimos 7 dias a criptomoeda sofreu um declínio de 13,32%, de acordo com dados do Coingolive.

Leia mais:

Compre e venda Bitcoin e outras criptomoedas na Coinext
A corretora completa para investir com segurança e praticidade nas criptomoedas mais negociadas do mundo.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br