Passfolio

Os observadores do mercado estão divididos sobre o futuro da economia dos Estados Unidos, que pode, ou não, estar caminhando para uma recessão. No entanto, o gerente de investimentos Kingsley Jones acredita que alguma forma de retração agora é inevitável.

Jones, fundador e diretor de investimentos da empresa de consultoria Jevons Global, disse à CNBC na segunda-feira (11) que “temos que aceitar que alguma forma recessão é certa.”

O consultor sugeriu ainda que um número crescente de observadores do mercado agora espera que a próxima projeção do PIB, prevista para 28 de julho, mostre que os EUA caíram em uma recessão técnica, ou seja, dois trimestres negativos consecutivos.

Como consequência, Jones alega estar esperando mais volatilidade no futuro próximo, com a probabilidade de que os ganhos diminuam. Por isso, ele acredita que os investidores devem favorecer as ações com poder de fixação de preços e margens fortes.

Passfolio

“Comprem áreas mais seguras do mercado, como as de produtos farmacêuticos de grande porte, ações no setor de energia, e ações relacionadas a alimentos. Continuem a manter a tecnologia de grande porte de qualidade, mas se distanciem em áreas cíclicas como os semicondutores.”

Onde investir 

Jones aconselha que investidores só devem colocar seu dinheiro em áreas do mercado onde há sinais claros de escassez estrutural. Segundo ele, as melhores escolhas no espaço de saúde são a gigante norte-americana de seguros UnitedHealth (UNH) e a fabricante de medicamentos Merck & Co. (MRK).

No espaço da energia elétrica, visto que “as grandes empresas petrolíferas e refinarias estão obtendo lucros muito bons,” as escolhas de Jones são a Chesapeake Energy (CHK) e a australiana Woodside Energy (WDS).

Suas principais escolhas na área da alimentação são a empresa de alimentos General Mills (GIS), o gigante do processamento de alimentos Archer Daniels Midlands (ADM), e a empresa canadense de fertilizantes Nutrien (NTR).

Sinais de recessão

Há uma série de métricas que investidores estão observando para detectar sinais de uma recessão mas, segundo Jones, “se entramos em uma recessão grave, depende realmente da força da demanda do consumidor,” observando que o sentimento do consumidor tem sido ruim devido ao aumento dos preços.

Muitos participantes do mercado também estão de olho no mercado de trabalho dos Estados Unidos para novos sinais de recessão. A situação do mercado de trabalho é vista como um indicador de uma recessão iminente, mas por enquanto, parece que a taxa de desemprego permanece baixa, enquanto as ofertas de emprego parecem robustas, disse Jones.

Para investir em ações listadas na Bolsa de Valores de NY crie sua conta na corretora Passfolio, parceira oficial do Stocktimes.

Leia também

Passfolio