Passfolio

O medo da recessão se espalhou pelos EUA nos últimos meses por conta da inflação alta e do crescimento econômico desacelerado.

As projeções econômicas do Banco Central dos EUA (FED) mostram que o desemprego pode aumentar nos próximos anos. Mas ainda que os períodos de recessão sejam difíceis até mesmo para algumas das maiores empresas norte-americana, algumas ações se mostraram resistentes durante as fases de recessão.

Saiba mais: Estados Unidos provavelmente entrará em recessão até 2023, sugere pesquisa com economistas

A tabela abaixo mostra as ações do índice S&P 1500 que tiveram um retorno médio positivo durante as três últimas recessões, nunca tiveram uma queda superior a 5% durante qualquer um desses períodos e estão superando o desempenho em 2022:

Passfolio
Fonte: FactSet
Fonte: FactSet

Alguns dos principais nomes são de pequeno e médio porte

A empresa de logística Marten Transport (MRTN) liderou o caminho com um retorno médio de 28% durante as três recessões anteriores.

A empresa de tecnologia de rede Adtran (ADTN) teve um retorno médio de 12%, e recebeu alguns elogios recentes sobre seu “ciclo de demanda sem precedentes” da Rosenblatt Securities.

Ações tradicionais também estão na lista 

Amgen (AMGN) e Walmart (WMT) têm retornos médios de 14,7% e 9,3%, respectivamente, durante as três últimas recessões. As ações do Walmart caíram cerca de 17% este ano, mas a história mostra que a loja de departamentos é relativamente forte durante as recessões.

Na quinta-feira (16), o McDonald’s (MCD) recebeu uma nota positiva da Argus Research, que reiterou sua classificação de compra na ação da rede de fast-food, dizendo que “durante o atual período de fraqueza da indústria, preferimos grandes cadeias de restaurantes como o McDonald’s que oferecem cardápios de valor, gastam muito em publicidade e têm balanços limpos.”

Para investir em ações listadas na bolsa de valores norte-americana, conheça a corretora Passfolio hoje mesmo e crie sua conta. 

Leia também:

Passfolio