Endereços com quantias relativamente pequenas de Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) vêm crescendo no último ano, o que poderia demonstrar um aumento no número das “sardinhas” – pequenos holders – no mercado, o que poderia indicar uma maior distribuição financeira no ecossistema e um aumento da adoção por um público mais amplo.

Traders “pequenos” são usualmente chamados de sardinhas no mercado. Participando do jogo financeiro em um ecossistema com baleias (maiores traders – normalmente institucionais), tubarões (grandes traders – normalmente individuais) e outras classificações como polvos, caranguejos e camarões.

Análise da Coinmetrics revela aumento de pequenos holders

Uma análise publicada pela empresa de análises on-chain Coinmetrics indica que o número de contas de Ethereum e Bitcoin pertencentes a pequenos holders vem crescendo desde janeiro de 2021 (1 ano).

Foram considerados endereços com balanços de:

  • 0.01 ETH a 1 ETH (cerca de R$140 a R$14.000);
  • 0.001 BTC a 0.1 BTC (cerca de R$200 a R$20.000);
Gráfico comparando pequenos holders de ethereum e bitcoin em 1 ano
Fonte: Coinmetrics – Correlação entre pequenos holders de BTC e ETH

Em janeiro de 2021, existiam 9,8 milhões de endereços de pequenos holders na rede do Ethereum, com um aumento superior a 2 vezes no período de 1 ano, atingindo a marca de 20 milhões de endereços nesta faixa de balanço em ether em janeiro de 2022.

Em janeiro de 2021, existiam 13,5 milhões de endereços de pequenos holders na rede do Bitcoin, atingindo agora a marca de 16 milhões de endereços de “sardinhas”, em janeiro de 2022.

Pequenos holders de Ethereum evoluindo sobre os de Bitcoin

É interessante notar que, no período de 1 ano, o número proporcional de contas de pequenos holders de Bitcoin vinha muito acima dos endereços de Ethereum, mas a disparidade parece ter terminado.

A blockchain de contratos inteligentes e aplicativos descentralizados, Ethereum, vêm apresentando um crescimento de endereços nestas faixas de holding, ainda mais significativo por ter superado o crescimento do protocolo líder em capitalização de mercado.

O que demonstra que o segundo colocado em market cap está recebendo uma maior adoção entre os pequenos participantes individuais e, parte disso, poderia se dar por conta das dezenas de projetos NFT, jogos e pelo constante crescimento de interesse por projetos relacionados ao metaverso e web 3.0 que vimos em 2021.

Saiba mais: Os 8 principais competidores do Ethereum que podem valorizar até 300.000%

Atualização do Ethereum não será mais chamada de Ethereum 2.0

O aumento da adoção por um maior número de contas com pequenos balanços do ETH pode-se dar também com o mercado já se adiantando – e fazendo hold – para a atualização no protocolo prevista para a metade de 2022.

Com esta atualização, Ethereum deverá – gradualmente – deixar de ter um consenso baseado em Proof of Work (prova de trabalho), para se tornar totalmente Proof of Stake (prova de participação).

No dia 24 de janeiro a Ethereum Foundation fez uma publicação explicando que estaria mudando oficialmente a forma de se referir à atualização, antes tratada como Ethereum 2.0 (ETH2) contra o Ethereum (ETH1).

Na publicação eles explicam que a escolha se deu por conta de confusões relacionadas ao que ocorreria com o protocolo e até mesmo com os tokens ERC-20, com muitos investidores pensando que seria emitido um novo token (ETH2), quando isso não ocorrerá.

A confusão também abriu margem para golpistas se aproveitarem da falta de informação para promover airdrops ou vendas fraudulentas do suposto novo token (que não existe, nem existirá).

Pensando nisso, as versões serão nominalmente tratadas como:

  • Execution Layer – Camada de Execução (Ethereum 1.0)
  • Consensus Layer – Camada de Consenso (Ethereum 2.0)

A própria publicação gerou algumas controvérsias e a divulgação de inverdades por alguns sites e comunidades que não gostam do Ethereum, onde muitos alegaram que a “narrativa mudou”, ou que “promessas antigas não serão entregues”, o que não parece ser o caso.

Tudo o que, aparentemente, está acontecendo é uma mudança nos nomes das versões (antes e depois da atualização). Todo o projeto do The Merge continua conforme previsto no roadmap.

Leia mais:

A NovaDAX está cheia de novidades!

Uma das maiores corretoras de criptoativos do Brasil agora ZEROU as taxas para saque em real!

A NovaDAX também conta taxa zero para transações de Bitcoin e mais de 110 moedas listadas, com saque disponível na hora e alta liquidez. 

As criptomoedas com as melhores taxas do mercado! Basta ativar o programa gratuito Novawards e aproveitar taxas reduzidas em até 75%.

Conheça ainda o Cartão NovaDAX e peça já o seu.