O canal oficial do Bitcoin.com foi banido do Youtube ontem (14/06), Roger Ver (dono do canal) acusa apoiadores do Bitcoin Core de mais uma tentativa de censura contra o Bitcoin Cash.

“Eu suspeito que provavelmente esses apoiadores do Bitcoin Core, anti-competidores maximalistas falsamente reportaram o vídeo…”

disse Ver em vídeo no Reddit

Bitcoin.com não foi o primeiro banido

Apesar das acusações de Ver, não é a primeira vez que o Youtube bane sem motivos canais famosos de criptomoeda. Há 6 meses a plataforma baniu dezenas de canais de cripto, alguns famosos como Ivan On Tech, The Moon, Chris Dunn e outros.

Então, como alternativa, alguns youtubers começaram a criar suas próprias plataformas de vídeo. O canal Ivan On Tech, por exemplo, criou dentro do seu site um sistema de lives que permite a doação de criptomoedas como Bitcoin, Bitcoin Cash e outras via chat.

Outras plataformas concorrentes também viraram opções ou pelo menos servem como backup, como a DTube, Bitchute, PeerTube e Lbry Tv.

A Bitcoin.com escolheu fazer o upload dos seus vídeos na Lbry.tv, uma plataforma que usa do blockchain para fazer o index dos conteúdos e transferência de doações com a LBRY Credits.

Youtube mantém canais de golpistas

Enquanto o Youtube bane canais honestos, há milhares de vídeos utilizando a imagem de Elon Musk, Bill Gates e outras celebridades para enganar usuários. Recentemente, reportamos que esses canais roubaram mais de US$150 mil em criptomoedas.

binance canal fake
Canal Fake da Binance anunciando uma promoção falsa

Uma das empresas afetadas pelos canais falsos foi a Ripple. A responsável pela criação da moeda XRP processou o Youtube por não tratar adequadamente o problema de golpistas em sua plataforma.

“Nos últimos meses, Ripple e Garlinghouse sofreram – e continuam a sofrer – danos irreparáveis ​​à sua imagem, marca e reputação públicas como uma conseqüência direta da falha deliberada e inexplicável do YouTube em resolver uma fraude generalizada e prejudicial que ocorre em sua plataforma.”

Afirma o processo da Ripple contra o YouTube.

Com resultado, o Youtube censurou o canal do CTO da Ripple em menos de uma semana.

Será que veremos o reestabelecimento do canal Bitcoin.com ou o surgimento de uma plataforma tão forte quanto o Youtube?