Passfolio

Brad Garlinghouse, diretor executivo da Ripple, discutiu suas ideias sobre os potenciais resultados da acusação da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) sobre a venda de XRP, alegando que o token constituía uma oferta de securities não registrada.

Em uma entrevista com a Axios no evento Collision 2022, Galringhouse afirmou acreditar que a Ripple vencerá sua batalha legal contra o regulador de valores mobiliários norte-americano, pois, em sua opinião, “os fatos estão e as leis do nosso lado.”

“Acho que a SEC passou muito dos limites e está tentando tomar uma espécie de propriedade jurisdicional sobre algo que é… Acho que eles perceberam esta área indefinida e pensaram ‘nós estamos entrando.'”

O executivo elaborou.

E se a Ripple perder o caso?

Durante a entrevista, Garlinghouse foi questionado sobre o que ocorreria se ele não pudesse obter um julgamento a seu favor, e o XRP fosse identificado como uma security.

Saiba mais: Juíza está “perdendo a paciência” com a SEC no caso Ripple, segundo advogado

Passfolio

O CEO da Ripple imediatamente deixou claro que, nesse cenário específico, o XRP só seria considerado como uma security nos Estados Unidos. Garlinghouse especificou que “a SEC só tem jurisdição nos Estados Unidos. De certa forma, como o mundo está operando agora, é como se o caso deles tivesse sido perdido.”

Brad Garlinghouse (Ripple) em entrevista com Lucinda Shen (Axios)/YouTube

Ele também disse que pouco mudaria para a Ripple, já que a maioria das exchanges com base nos Estados Unidos não negociam mais XRP em suas plataformas. Por exemplo, imediatamente após a SEC apresentar o caso contra a Ripple, a Coinbase cessou a negociação do XRP.

Leia também:

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br