Breaking News  
Coreia do Sul vai desenvolver sistema de votação em blockchain Blockchain

Coreia do Sul vai desenvolver sistema de votação em blockchain

Sistema de votação em blockchain, isso vai dar certo?

Cointimes
Cointimes

O governo sul-coreano está considerando o uso da tecnologia blockchain para um sistema de votação eletrônica, informou o site de notícias de tecnologia empresarial ZDNet.

O Ministério da Ciência  e a Comissão Nacional de Eleições (NEC) planejam testar conjuntamente a implementação da tecnologia do blockchain em um sistema de votação online. O período experimental está previsto para o próximo mês e será conduzido pela Agência Coreana de Internet e Segurança (KISA), juntamente com a Blockchain Society, da Universidade Nacional de Seul.

Inicialmente o sistema será adotado pela iniciativa privada. O artigo observa que a tecnologia blockchain será implementada na “autenticação de eleitores e contabilidade dos votos”:

A votação será realizada por meio de computadores móveis e pessoais. Os dados serão salvos em uma rede distribuída e todos os eleitores poderão ver os resultados da votação à medida que elas forem feitas.

Após vários testes, a NEC tomará uma decisão sobre o uso do sistema para votação on-line, observando que outras tecnologias como, inteligência artificial (IA), big data e Internet das Coisas (IoT) serão adicionadas para melhorar o sistema de votação.

Há vários usos para sistemas de blockchain, muitas empresas estão implementando a tecnologia para cortar custos e automatizar processos (clique aqui e veja quais grandes players estão investindo em blockchain), entretanto é muito discutível se essa mesma tecnologia seria tão eficiente e necessária em alguns sistemas de votação.

Sistema de votação em blockchain, é realmente necessário?

No texto abaixo fizemos uma análise crítica sobre o uso de blockchain nas eleições brasileiras:

Como seria o uso de blockchain em eleições?

Este ano, vários países do mundo anunciaram a consideração de sistemas baseados em blockchain para votação, como Ucrânia, Catalunha e a cidade japonesa de Tsukuba. Em junho, a cidade suíça de Zug, vulgarmente conhecida como “Crypto Valley”, conduziu um teste usando blockchain, veja mais dados sobre esse teste no post abaixo:

Votações em blockchain? Cidade suíça finaliza testes

Vale lembrar que a Coreia do Sul é um dos principais players no campo de desenvolvimento e aplicações envolvendo bitcoin, blockchain e tecnologias correlatas. No mês passado uma empresa sul-coreana comprou a maior exchange de criptomoedas da Europa (saiba mais sobre esse negócio aqui)

Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre o mercado financeiro? Então se inscreva no canal do Cointimes no Youtube e siga o FacebookTwitter e Instagram.

Texto modificado de Cointelegraph.

Cointimes
Cointimes

Cointimes é um portal de conteúdo sobre a nova economia. Um espaço aberto que busca ajudar a mudar a vida das pessoas através do conhecimento sobre blockchain, criptomoedas, educação financeira, investimentos, aplicações descentralizadas e empreendedorismo digital.

O Cointimes utiliza cookies com o objetivo de melhorar sua experiência em nossa página web e adaptar o conteúdo para torná-lo mais útil e acessível. Para mais informações, consulte a nossa política de cookies.