Coingoback

A nação centro-americana de El Salvador está se preparando para doar até US $ 135 milhões em Bitcoins para seus cidadãos.

Nesta quinta-feira (24), o presidente de El Salvador, Nayib Bukele, anunciou que os cidadãos adultos de El Salvador receberão US$ 30 em Bitcoin gratuitamente depois de abrir sua conta no aplicativo de criptomoeda do governo.

O país deve adotar oficialmente o Bitcoin como moeda de curso legal em 7 de setembro deste ano. Estima-se que 4,5 milhões de cidadãos adultos podem ser beneficiados com o lançamento da carteira Chivo. 

Além de anunciar os planos para o airdrop de US$ 30 em BTC, o presidente Bukele garantiu aos salvadorenhos que o uso do Bitcoin não seria obrigatório e que o dólar americano também será usado como moeda de troca no país.

Bukele salienta que a introdução do Bitcoin como moeda com curso legal não será semelhante ao processo que ocorreu quando a nação adotou o dólar e o conteúdo das contas bancárias dos cidadãos foi convertido do cólon para o dólar.

“O uso do Bitcoin será opcional, ninguém receberá Bitcoin se não quiser … Se alguém receber um pagamento em Bitcoin, pode optar por recebê-lo automaticamente em dólares.”

De acordo com o presidente, um dos principais motivos pelos quais o governo está introduzindo o Bitcoin como moeda legal é para simplificar o processo de envio de remessas de volta para El Salvador.

O preço vai subir? 

De acordo com o analista da rede Willy Woo, se todos os 4,50 milhões de salvadorenhos optarem por receber o Bitcoin gratuitamente, a rede de usuários do Bitcoin crescerá instantaneamente em 2,50%. 

preço do bitcoin na faixa dos 30.000 mil dólares à 40.000 dólares.
Bitcoin se consolida entre US$ 30.000 e US$ 40.000

O Bitcoin caiu pela metade de um pico próximo a US $ 65.000 em abril, prejudicado por uma restrição à criptomoeda na China, aumentando o escrutínio regulatório em outros lugares e preocupações de que os servidores que sustentam a moeda virtual consumam muita energia.

De acordo com artigo da Bloomberg, estrategistas sinalizam riscos de curto prazo para a perspectiva de preço do Bitcoin. A equipe do JPMorgan sugere que as vendas recentes de criptomoedas foram feitas para cobrir perdas e que “provavelmente ainda há um excesso de posições subaquáticas que precisam ser liberadas no mercado”.

Os estrategistas apontaram a estabilidade no mercado futuro de Bitcoin como um fator positivo, ao lado da possibilidade de aumento dos custos de produção conforme a repressão da China empurra a mineração de Bitcoin para o exterior. Alguns pesquisadores argumentam que o custo marginal de produção desempenha um papel importante nos preços do Bitcoin.

Portanto, embora o “mercado de criptomoedas dê sinais de que ainda não está saudável, ele também parece estar começando o processo de cura”, escreveram eles.

A moeda digital parece se consolidar acima do nível de US$ 30.000. Sua cotação no momento em que escrevo é de US$ 34.498, segundo os dados do CoinGoLive.

Leia Mais: 


BitPreço, o maior marketplace da América Latina. Compare os preços das principais exchanges do Brasil e mundo, e compre Bitcoin, Ethereum e USDT pelo melhor preço sempre.

Crie sua conta grátis agora!