A fusão das empresas Whinstone US Inc com a Northen Bitcoin AG vai resultar na criação da maior fazenda de mineração de bitcoins do mundo.

++Minerar Bitcoin em casa, vale a pena?

A fazenda será capaz de utilizar 1 gigawatt de energia, isso é suficiente para abastecer uma cidade com 1,5 milhão de habitantes. Para conseguir esse resultado, será necessária uma área equivalente a 57 campos de futebol.

“Com essa fusão, estamos nos catapultando mais rapidamente do que o planejado originalmente para o topo do mundo na mineração de bitcoin. Juntos, temos uma posição de liderança dominante nesse setor de rápido crescimento e estamos bem posicionados para nos beneficiar significativamente do desenvolvimento futuro de tecnologia blockchain “, disse o Diretor-executivo da Northen Bitcoin AG.

A construção vai demorar um ano para ser concluída e será feita em duas fases. Na primeira, a fazenda terá 300 megawatts de capacidade e será finalizada no primeiro trimestre de 2020. A última fase vai instalar o total de 1 gigawatt e será finalizada até dezembro do próximo ano.

A corrida pelo ouro digital

No mês passado, a chinesa Bitmain avisou que iria construir a maior fazenda de mineração do mundo, com 33000 acres e uma capacidade de 300 megawatts.

No mesmo mês, a startup Layer1 anunciou um investimento de 50 milhões de dólares para criação de chips e uma fazenda para mineração.

Todas as iniciativas acima estão situadas no estado do Texas, que vem atraindo investidores pelos baixos impostos, energia barata e bom ambiente de negócios.

Recentemente foi noticiado que o Bitcoin consumia cerca de 10% de toda a energia gerada pela Geórgia.

Até onde vai chegar o apetite energético do Bitcoin?

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br