Coingoback

Com uma potencial crise econômica se intensificando, os banqueiros centrais estão tendo que trabalhar horas extras para garantir alguma estabilidade. Isso levou o Federal Reserve a acrescentar US$ 111,9 bilhões aos mercados financeiros para ajudar na liquidez. Para colocar isso em uma perspectiva de criptomoeda, o Fed desembolsou 12,7 milhões de BTC para os bancos da noite para o dia.

Essa intervenção financeira ocorreu em duas partes, com acordos de recompra durante a noite totalizando US$ 76,9 bilhões, e a segunda parte sendo um acordo de recompra de 14 dias totalizando US$ 34,9 bilhões.

Esses números colocados em escala mostram quão terrível é a situação econômica atualmente, bem como quão pequeno é o mercado de Bitcoin em escala convencional. O fato de o Fed poder emprestar tanto dinheiro e garantir liquidez em todo o sistema bancário também é motivo de preocupação.

Leia também: ++ Bitcoin: o maior protesto pacífico de todos os tempos

O Fed continua imprimindo

A preocupação é que o sistema financeiro e, portanto, os bancos, tenham essencialmente reservas de caixa baixas e confiem no Fed para continuar imprimindo dinheiro para salvá-los. A intervenção tomada pelo Fed, nesse caso, viu os títulos do tesouro e hipoteca dos bancos serem recebidos, atuando essencialmente como um empréstimo de curto prazo do banco central.

Isso está no topo do Fed ocupado lutando com o presidente Donald Trump, que está exigindo taxas de juros negativas para impulsionar os gastos. No entanto, o presidente do Fed, Jerome Powell, já disse ao Congresso que as taxas de juros negativas que Trump deseja não são apropriadas para a economia dos EUA – especialmente depois de cortá-las três vezes este ano.

O Fed, assim como a maioria dos bancos centrais do mundo, agora está sob enorme pressão para tentar sustentar a economia, mas isso pode ser um esforço fútil, já que a previsão de uma “bolha de tudo” se aproxima. Essa bolha devastadora também se baseia predominantemente nas táticas de pânico dos bancos centrais de última hora, para sair e se recuperar da crise imobiliária de 2008.

Fonte: Beincrypto.

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br