Fala pessoal, estamos aqui para mais um Minuto Cointimes com as principais notícias da semana em 5 minutos.

XDEX vai fechar as portas?

Após 5 meses da saída de Fernando Ulrich da XDEX, a corretora de bitcoins dos donos da Xp Investimentos anunciou que vai fechar as portas.

Em comunicado em seu blog oficial, a corretora expressou a dificuldade em empreender em um mercado não regulado e que agora era o momento de parar. Ela também disse que a competição estava complicada.

Veja mais detalhes sobre como a XDEX vai pagar seus clientes e o prazo para retirada dos valores.

Binance confirma compra de Coinmarketcap

A maior corretora do mundo comprou o maior site de dados de criptomoedas. 

A maior aquisição da Binance até agora, segundo o The Block.

Bitcoiner lança site com armas de impressora 3D

O ativista Cody Wilson lançou seu site com armas para impressoras 3D, que você pode produzir em casa.

O site defcad.com conta com mais de 5 mil projetos de armas. O Cody era um Bitcoiner das antigas que lançou a primeira carteira de Bitcoin voltada para a privacidade, a DarkWallet.

Já baixou sua arma hoje?

FMI declara que entramos em recessão

Antes tarde do que nunca não é FMI?

O Fundo Monetário Internacional (FMI) declarou que entramos em uma recessão global – tão ruim quanto ou pior do que a crise financeira global anterior. 80 países já solicitaram assistência emergencial ao órgão.

Enquanto isso, o G20 registrou medidas fiscais que totalizam cerca de 5 trilhões de dólares ou mais de 6% do PIB global e a ONU quer colocar isso para 15% do PIB. 

São valores inimagináveis para uma pessoa comum.

Desenvolvimento do Bitcoin está ficando mais descentralizado

Um novo estudo da BitMEX mostrou que o financiamento do Bitcoin para o desenvolvimento do código está ficando mais descentralizado.

A Blockstream e a Lightning Labs são os maiores contribuidores de financiamento da criptomoeda para o desenvolvimento de código aberto do projeto, com 8 desenvolvedores dedicados em cada.

É o Bitcoin ficando cada vez mais robusto!

Gostou do Minuto Cointimes? Não se esquece de se inscrever no nosso canal no Youtube.