Cointimes

ADs

O próximo a cair no dominó de falências pode ser a Genesis

o banqueiro da resistência

Cerca de dois meses depois de interromper os saques de clientes, a Genesis pode se tornar o próximo participante do mercado cripto a ir à falência.

A empresa manteve discussões privadas com diferentes grupos de credores, informou a Bloomberg nesta quinta-feira, com negociações sobre um possível pedido de falência do Capítulo 11. A unidade de empréstimo tem se recuperado do colapso da FTX, onde tinha US $175 milhões em fundos, e tinha avisado potenciais investidores sobre a falência se não conseguisse levantar capital novo.

A Genesis estava “tentando a todo custo evitar a falência,” segundo uma fonte com conhecimento do assunto, um esforço que eles descreveram como “admirável, mas caro.” A Digital Currency Group, a empresa matriz da Genesis, foi recentemente acusada pela Gemini de fazer falsas representações sobre a solvência da Genesis. 

O cofundador da Gemini, Cameron Winklevoss, pediu à diretoria da DCG que destituísse seu CEO Barry Silbert, dizendo que ele havia defraudado a Gemini e que seus usuários não tinham acesso a $900 milhões de dólares trancados em um produto vinculado à  Genesis.

Saiba mais: DCG deve US $900 milhões para usuários da Gemini e age com má fé, acusa Cameron Winklevoss

Entretanto, Silbert contradisse esta afirmação e disse que a DCG devia US $447,5 milhões à Genesis, além de bitcoin no valor de US $78 milhões com vencimento em maio deste ano. Além disso, a Genesis deve outra nota promissória de US $1,1 bilhão que vence em 2032, disse ele.

Silbert também alegou que a DCG não havia contraído empréstimos da Genesis desde maio de 2022, e está em dia com os empréstimos pendentes. Ainda assim, a DCG informou aos acionistas esta semana que iria suspender os dividendos para reduzir as despesas operacionais e preservar a liquidez.

A DCG é um dos investidores mais ativos na indústria cripto, com cerca de 200 milhões de investimentos em 35 países no valor de cerca de US $500 milhões, de acordo com o Financial Times. A empresa dirige principalmente cinco empresas, CoinDesk, Genesis, Grayscale, Foundry e Luno. A CoinDesk está alegadamente pesando uma venda parcial ou total.

Enquanto isso, a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) acusou recentemente a Genesis e a Gemini por supostamente oferecerem títulos não registrados a investidores de varejo através do produto Earn.

Leia também:

Leia outros conteúdos...

© 2023 All Rights Reserved.

😲 Você sabia que pode estar PERDENDO dinheiro enquanto lê notícias? 📰

🔥 Baixe nosso app AGORA e GANHE Bitcoin enquanto se informa! 🔥

⏰ A cada segundo que passa, é Bitcoin que você deixa de ganhar! ⏰

Cover

Ganhe Bitcoin assistindo Youtube, navegando na internet ou fazendo compras!